"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

sexta-feira, novembro 26, 2010

Ressocialização de menores é tema de destaque em encontro da Polícia Militar com palestrante da UNEC

Por meio do programa Infância e Compromisso da Sociedade que abrange o projeto Brinquedoteca, foram feitos levantamentos, pela Polícia Militar, cadastrando estes menores e encaminhando-os para este projeto.

A criminalidade envolvendo os adolescentes tem crescido vertiginosamente, de modo que muitas das vezes eles são assemelhados aos adultos em suas atividades delitivas, conscientes do que querem fazer, e não apenas seres indefesos de uma situação social específica.
Não é mais uma questão de cunho exclusivamente político-social, mas jurídica, no que tange à punição dos infratores. A preocupação de muitos em relação à elaboração de medidas sócio-educativas recuperativas é explicada pelo fato do menor ser ainda um indivíduo em processo de construção da personalidade, que por um ou outro motivo, comete delito, mas que ainda pode ser resgatado para uma sociedade justa no futuro.
Na verdade a repressão, tal qual no sistema aplicado aos imputáveis, é vista como muito rigorosa aos menores e na maioria das vezes não os recuperaria. Assim, o adolescente submetido à tal tratamento, passaria de sua personalidade ainda não formada para a deformada pelos procedimentos inconsistentes e ausentes de propostas recuperativas dos presídios, que não raras vezes, revolta e aguça a tendência para o crime.
É por este motivo e pelo anseio por uma ressocialização destes menores infratores que na manhã desta terça-feira (09/11), através de uma parceria entre Polícia Militar e UNEC, que os envolvidos se reuniram para tratar e dar suporte às famílias, menores e demais órgãos e pessoas interligadas à vida dos menores infratores. Por meio do programa Infância e Compromisso da Sociedade que abrange o projeto Brinquedoteca, foram feitos levantamentos, pela Polícia Militar, cadastrando estes menores e encaminhando-os para este projeto.
O tratamento dos menores é muito mais amplo que a simples repressão aos atos infracionais, mas trata-se de uma política de caráter assistencial, que visa educá-lo e regenerá-lo, de modo a torná-lo útil ao país e a si próprio. Não há o interesse em apenas punir, mas tentar resgatar esse adolescente entregue à delinquência enquanto ele ainda é passível de tratamento eficaz de revitalização.
A Brinquedoteca funciona na Escola Professor Jairo Grossi e além de atender aos alunos desta instituição disponibiliza trabalhos desenvolvidos durante a semana com jovens carentes, menores de 12 anos, focando-se em toda uma questão de ressocialização. Por semana cerca de 80 crianças são atendidas e a intenção e abrangir este projeto, criando Brinquedotecas em outros pontos.
Fonte:http://www.tvsupercanal.com.br Data:última modificação 10/11/2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.