"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

quarta-feira, janeiro 05, 2011

População diz: ECA protege menor delinqüente.

Morador do bairro Stella Reis conta à reportagem do eunanoticias.com que estava em casa com o filho menor no colo, alimentando o filho, para depois almoçar e vir para o trabalho, e havia pedido a um amigo que lhe levasse um saco de ração para cachorro.
Quando o mototaxista chegou com a encomenda a empregada foi abrir o portão, oportunidade em que dois menores assaltantes, armados com revolveres, chegaram e enfiaram a mão por dentro do portão, como a empregada gritou e saiu correndo, os ladrões assaltaram o mototaxista levaram dinheiro, celular e saíram correndo para dentro do mato.
Para este cidadão brasileiro que trabalha paga impostos e é assaltado, o Estatuto da Criança e do Adolescente está protegendo menores bandidos e, como o cidadão não pode ter uma arma em casa, mas o bandido pode ter quantas quiserem, o cidadão acha que como a policia nada pode fazer contra os menores infratores, o negócio pode estar na formação de uma “milícia” que conheça todos os bandidos, menores ou não, e começar uma onda de extermínio na cidade.
Outra idéia, é o cidadão se armar para se defender, se no Rio Grande do Sul, um elemento dependente químico, agora não se pode dizer mais “viciado”, deu 5 tiros dentro de casa, foi preso em flagrante por porte ilegal de armas, e depois de pagar uma fiança de R$ 400,00 foi liberado para responder o processo em liberdade, este fato pode gerar uma jurisprudência, e a coisa desandar. Embora o preso seja um viciado, pior ainda, é uma arma nas mãos de um drogado, que depois de pagar a fiança acabou sendo liberado.
No Brasil foram criadas várias ONGs propagando a famosa paz, mas estas pessoas nunca se expõe, sempre aparecem na televisão dando entrevistas sentimentais, fazendo aconselhamentos, recebendo uma grana alta dos governos que as mantêm, mas se esquecem que o cidadão comum está exposto a uma violência que eles só conhecem pelos noticiários, mas nunca ajudaram a enxugar uma lágrima de uma mãe ou um pai que perdeu um parente na violência urbana, onde o tráfico de drogas também só é combatido por baixo.


Texto por: Paulo Barbosa
Fotos por: Divulgação


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.