"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

segunda-feira, abril 02, 2012

Adolescentes confessam crime chocante em Bento Gonçalves


Com ajuda de um rapaz de 18 anos, dupla enforcou e apedrejou homem supostamente por motivo banal.

Adriano Duarte
adriano.duarte@pioneiro.com

A Polícia Civil localizou na madrugada desta terça-feira o corpo de Juliano Bellini, 33 anos, que estava sumido desde a manhã de segunda-feira, em Bento Gonçalves. O homem foi morto por um grupo de rapazes após uma festa. A polícia ainda não esclareceu os motivos do crime.

O cadáver estava em uma matagal na localidade de Linha Zemith, a 10 quilômetros da área central. Dois adolescentes de 17 anos admitiram participação no assassinato e acusam um rapaz de 18 anos como co-autor. Esse terceiro suspeito nega envolvimento.

O trio está recolhido no 1º Distrito Policial (1º DP) de Bento, onde presta depoimento. Os jovens seriam submetidos a uma acareação ainda durante a madrugada pois as versões sobre o homicídio eram controversas, de acordo com o delegado Leônidas Augusto Reis. Um quarto suspeito é investigado.

O delegado diz que a morte teria sido consumada por volta das 7h de segunda-feira. Na noite anterior, Bellini e os jovens, que se conheciam de vista, se encontraram próximo ao posto de saúde no bairro Juventude. Dali, o grupo seguiu no carro da vítima para uma boate em Farroupilha.

Eles só deixaram o estabelecimento no início da manhã de segunda-feira. Horas depois, os jovens foram vistos por moradores do bairro Juventude tripulando um Clio. Durante o dia, circularam rumores na comunidade de que o carro pertencia a uma pessoa que havia sido assassinada.

A Brigada Militar (BM) e a Polícia Civil receberam denúncias e passaram a procurar pelo veículo. Por volta das 20h de segunda-feira, os policiais encontraram o carro abandonado na Rua Candelária, no bairro Cidade Alta.

Descobriu-se que o Clio era de Bellini. Ainda na mesma noite, os rapazes foram detidos. Conforme depoimento dos menores, Bellini foi enforcado com o cadarço do tênis que usava e teve o corpo apedrejado próximo a uma cachoeira da Linha Zemith. Um dos menores indicou a localização do cadáver. Apesar de bastante frequentada, a área fica em um ponto isolado, sem moradias ao redor.

Os menores alegaram que mataram Bellini porque ele teria assediado a irmã de um dos rapazes em outra ocasião.

— Essa é a suposta versão. Vamos tentar traçar o que realmente aconteceu — diz o delegado Leônidas.
Foto: Daniela Xu / Agencia RBS
Fonte: http://pioneiro.clicrbs.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.