"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

domingo, julho 24, 2011

Mistura de álcool e direção mata um e deixa dois feridos

Carro de motorista alcoolizado atingiu o veículo de Ramolino dos Anjos, 69 anos; idoso morreu na hora.

09/06/2011 -
A Gazeta

Anny Giacomin
agiacomin@redegazeta.com.br

Dois acidentes envolvendo motoristas embriagados terminaram com a morte de um aposentado de 69 anos e mais de duas pessoas feridas ontem. Ramolino dos Anjos tinha acabado de deixar um de seus nove filhos na faculdade quando foi atingido por um Corsa desgovernado, que invadiu a contramão no km 1 da Rodovia Audifax Barcelos - que liga Jacaraípe a Serra-Sede -, na Serra.

A batida aconteceu às 8h. O veículo era dirigido por Tarcísio dos Santos Patrício, que foi autuado em flagrante e levado sob escolta policial para o hospital. Uma testemunha chegou a comentar que o homem dirigia em alta velocidade. Além disso, Tarcísio não possuía habilitação e estava embriagado, conforme comprovou o teste do bafômetro - o resultado foi de 0,79mg de álcool por litro de ar expelido.

Familiares de Ramolino contaram que ele voltava para Laranjeiras, onde iria ajudar um casal de moradores a ir ao médico. "Ele sempre fazia esse serviço social, já que era muito atuante como diretor do Centro Comunitário do bairro", explicou a enteada da vítima, Viviane Alves dos Santos, 34 anos.
Dos testados por bafômetro, metade bebeu, afirma PM
Após lei, motoristas se acomodaram, acredita polícia, e se arriscam, contando apenas com a sorte

Aproximadamente metade dos motoristas que foram submetidos ao teste do bafômetro durante as blitze do Madrugada Viva este ano, na Grande Vitória, estava embriagada. Segundo dados do Batalhão de Trânsito, dos 1.237 condutores que fizeram o teste, cerca de 600 haviam bebido antes de dirigir.

Diante dos números, o subcomandante do Batalhão de Trânsito, major Reinaldo Brezinski Nunes, acredita que as pessoas estão mais acomodadas. "O número de blitze aumentou, mas gostaríamos de fazer mais. No entanto, nossos recursos humanos são limitados. A lei causou um impacto inicial, mas a população acaba se acomodando depois de uns meses. Ela lida, no caso, com a sorte", explicou.

O major ainda frisou o fato de 60% dos autos de infração serem referentes apenas a multas administrativas. O restante diz respeito a multas administrativas e também a criminais.

Dados do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) mostram que 79 pessoas já foram presas por terem ingerido bebida alcoólica e dirigido depois; outras 204 tiveram as carteiras de habilitação apreendidas. (Com informações de Nuno Moraes)


Delegado quer coibir aviso sobre blitz pela internet

O delegado Fabiano Contarato, titular da Delegacia de Trânsito, quer fazer um projeto para tentar evitar que pessoas publiquem em redes sociais - como o Twitter e o Facebook - onde estão ocorrendo blitze. "Podemos apelar e tentar vincular isso a algum tipo de crime, a uma apologia ao crime. Porque elas estão moralmente contribuindo para que motoristas embriagados matem inocentes nas ruas. Lamento essa atitude enquanto cidadão", desabafou. O major Reinaldo Brezinski, subcomandante do Batalhão de Trânsito, também condena essa atitude. "Publicar onde está acontecendo a blitze é um desserviço", resumiu.

Rapaz é parente do delegado de Trânsito
O motorista André Bonomo Contarato, autuado ontem, sofreu o acidente após comemorar a conquista da Copa do Brasil pelo Vasco da Gama. O jovem estava no DPJ de Vila Velha ainda vestido com a camisa do time pelo qual torce e não quis conversar com a imprensa.

O sobrenome de André também chamou a atenção. É o mesmo do delegado titular da Delegacia de Delitos de Trânsito, Fabiano Contarato. "Chegaram a comentar que ele era meu sobrinho, mas descobri, pela minha irmã, que ele é filho de um primo meu. E tem que ser responsável pelos seus atos. Não importa. Eu ficaria extremamente à vontade se fosse para falar contra meu pai, meu irmão, da mesma forma", ressaltou o delegado.

Fabiano Contarato também lamentou o fato de a lei estar sendo usada apenas para punir uma camada social. "As pessoas menos instruídas fazem o teste do bafômetro e, além da multa administrativa, são punidas criminalmente. O que não consigo conceber é que um advogado ou uma pessoa mais esclarecida, por exemplo, se recuse a fazer o teste e seja punida apenas administrativamente. Tem que haver uma mudança severa na lei", defendeu.

Foto: Nestor Muller/Perda. Ramolino dos Anjos havia acabado de deixar um dos filhos na faculdade e voltava para Laranjeiras, na Serra, para levar um casal do bairro ao hospital, segundo a família

Fonte:http://gazetaonline.globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.