"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

terça-feira, janeiro 24, 2012

Drogas e dinheiro motivaram morte de adolescente

Foi preso no começo da manhã de ontem (18) por policiais da Seccional da Cremação, Evandro Nascimento de Souza, 26 anos, vulgo “Topeira”. Ele é suspeito de ser um dos assassinos da adolescente de 17 anos, morta no bairro do Condor.

Segundo a polícia, dois homens teriam invadido a casa e um deles atirado no peito da garota, matando-a. O crime foi testemunhado pela mãe da vítima e foi ela quem apontou “Topeira” e mais um adolescente como os autores do delito, sendo que o adolescente disparou duas vezes contra a jovem, mas apenas um tiro a atingiu.

Quando os dois criminosos entraram na casa, a vítima teria acordado e, reconhecendo os dois, abraçou-se com “Topeira”, pedindo-lhe que não a matasse. Foi sob o apelo e choro da adolescente, que os tiros foram disparados. Logo em seguida, os dois fugiram do local.

A mãe da vítima foi quem chamou a polícia e logo uma equipe policial compareceu ao local dos fatos. Ela informou onde “Topeira” poderia ser encontrado e disse que ele e o adolescente estiveram por três vezes em sua casa, atrás de sua filha, e, quando a encontraram, mataram-na.

Os policiais passaram a procurar “Topeira” nos locais indicados e, ao nascer do dia, foi possível prendê-lo. O adolescente autor dos tiros continua desaparecido. Levado para a Seccional da Cremação, Evandro Nascimento de Souza confessou sua participação no crime. Ele disse que na semana passada, estava acompanhado da adolescente e do adolescente que a matou. Os três fumavam pasta de cocaína, sendo que o adolescente, depois de consumir, teria tido uma overdose por conta do uso excessivo de entorpecente, e perdeu os sentidos.

Quando isso ocorreu, “Topeira” mandou que a adolescente pegasse o telefone celular do adolescente e fosse trocá-lo por drogas e dinheiro e ela teria obedecido e conseguido cumprir o mando.

Depois, “Topeira” teria mandado que a adolescente saísse do local, pois quando o adolescente acordasse, certamente iria querer saber do celular e poderia matá-la.

“Topeira” contou ao delegado que teria contado para o comparsa que fora a garota quem vendera seu celular e, por isso, ele disse que iria matá-la, tendo ido em sua casa por três vezes, tentar encontrá-la.

Segundo o delegado Aldo Botelho, diretor da Seccional da Cremação, o assassinato da adolescente foi o primeiro crime do ano em sua circunscrição e em menos de oito horas o delito estava esclarecido com um dos criminosos preso.

A mãe da vítima disse que perdera o controle sobre a filha, que havia enveredado pelo caminho das drogas, e acusou “Topeira” de ter desencaminhado sua filha, fornecendo-lhe drogas. Segundo a polícia, “Topeira” é um pequeno traficante e usuário de drogas


Fonte: http://www.diarioonline.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.