"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

sábado, fevereiro 19, 2011

Menores a serviço do tráfico na Vila Maria da Conceição

Crianças e adolescentes com mochilas nas costas abordam motoristas que transitam em busca de drogas
Crianças correndo de um lado para o outro da rua. Adolescentes com mochilas nas costas conversando com os motoristas que param a todo o momento os carros e motos. Essa é a rotina na Rua Paulino Azurenha, no Bairro Partenon, Zona Leste. Toda essa movimentação, na verdade, é um disfarce para o tráfico, que funciona 24 horas no local.
Durante duas semanas, equipes de reportagem da RBS TV acompanharam como funciona a venda de drogas na Vila Maria da Conceição, apontada pelas autoridades como a maior boca de fumo de Porto Alegre, e descobriram um exército de jovens e crianças aliciados pelo crime.
Equipe negociou compra de drogas
Com uma câmera escondida, foi registrado o flagrante da venda de cocaína e maconha.
O carro da equipe de reportagem chegou ao local numa quinta-feira, pouco depois das 17h. Logo em seguida, começou a negociação. Um jovem aparentando menos de 16 anos e uma criança que parecia ter pouco mais de dez anos abordaram o veículo:
– Para aí, tio! Para aí, tio – disse a criança.
– Que tu quer tio?
– perguntou o adolescente.
– Quero fumo e pó – respondeu um integrante da equipe.
O motorista do carro foi orientado, então, a dar ré no veículo e fazer o pedido das drogas a outro adolescente, a cerca de 100m do local da abordagem.
“Qualquer hora pode chegar aqui”
No lugar apontado pelos jovens traficantes, foi feito o pedido:
– Me dá 20 (R$) de pó e 5 (R$) de fumo – pediu o jornalista.
– Não fica aí, dá a volta. Sobe lá e desce – informou o traficante.
Depois de dar a volta duas quadras adiante, as drogas foram recebidas:– Tá na mão – informou o traficante.
– Qualquer hora pode chegar aqui e pegar tranquilo? – perguntou o repórter.
– Ahã, é só chegar – foi a resposta do adolescente.
As drogas compradas pela reportagem foram entregues para a Promotoria Especializada Criminal do Ministério Público.
Moradores vivem com medo
A negociação de drogas no meio da rua na Vila Maria da Conceição é uma cena comum para quem mora na região. Pais que não aceitam o tráfico têm medo de ter os filhos aliciados pelos criminosos. Uma moradora, que pediu para não ter o nome revelado, fez um desabafo à reportagem.
– Aquilo ali é 24 horas por dia, não para. A gente que tem filho, tem medo. Eles vendem, fumam, fazem tudo na frente das crianças. Todo mundo sabe onde fica. Se tu passas e perguntas onde é que funciona o tráfico de drogas, as crianças sabem dizer onde é.
Jovens são recrutados
Segundo o subcomandante do 19º BPM, Alexandre da Rosa, responsável pela segurança na região, jovens da comunidade são recrutados quase que diariamente pelo tráfico. Mas os pais não fazem registros sobre o envolvimento dos filhos em crimes:
– Temos informações extraoficiais de que se paga de R$ 150 até R$ 200 por semana.
Maior boca de Porto Alegre
Para o promotor da promotoria criminal do Ministério Público Ricardo Herbstrich, o tráfico na Conceição usa métodos semelhantes aos praticados em outros Estados, principalmente no Rio:
– O crime na vila se esconde por trás do assistencialismo. Os traficantes ajudam a comunidade e patrocinam eventos e, ao mesmo tempo, crescem. Hoje, a Vila Maria da Conceição é o maior ponto de venda de drogas a varejo de Porto Alegre.
Bandidos usam rádio para monitoramento
Durante a reportagem, a equipe constatou que os traficantes da Conceição, assim como as facções criminosas do Rio de Janeiro, também utilizam a tecnologia para ter segurança.
Olheiros usam radiocomunicadores e ficam parados em pontos estratégicos do morro. Com o rádio nas mãos, o vigia avisa sobre a entrada de qualquer veículo.
“Vectra descendo. Tá limpo”
Entrando na frequência dos criminosos com um radiocomunicador igual ao deles, a reportagem conseguiu ouvir algumas conversas:
– Táxi descendo. Tá limpo! Um Vectra descendo. Tá limpo! Fiat Uno descendo, tá limpeza – informava o olheiro a cada carro que passava.
O mesmo sistema também avisa sobre a chegada da polícia na região:
– Pelos estouros, meu, outra viatura tá indo aí. To vendo agora, passou – comunicou o vigia.
Olheiros preveem ação da BM
O subcomandante do 19º BPM diz que os bandidos também conseguem entrar na frequência da polícia:
– Isso dificulta nosso trabalho porque eles têm acesso até, eventualmente, à nossa rede de rádio. Eles se utilizam do sistema para prever nossas ações e também para evasões e fugas.
Região é área de traficante preso
Todas as vendas de drogas registradas pela reportagem foram flagradas a menos de 500m de um posto integrado da Polícia Civil e da Brigada Militar na vila. A região é a mesma onde age a quadrilha liderada por Paulo Ricardo dos Santos, o Paulão.
Ele é apontado como o líder do tráfico na Maria da Conceição. Desde 1983, tem vários processos por tráfico de drogas. Ele também responde a quatro inquéritos por homicídios e outros por ameaça. Cumpria prisão domiciliar até 2008, quando fugiu.
Prisão no Rio de Janeiro
Paulão chegou a ser considerado um dos dez foragidos mais procurados do Estado no ano passado. Mas, em março de 2010, ele foi capturado pela Polícia Civil gaúcha no Rio de Janeiro. Desde então, cumpre pena na Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (Pasc).
Fonte:http://www.clicrbs.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.