"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

quarta-feira, fevereiro 02, 2011

Polícia Civil identifica adolescentes suspeitos de matar professor

João Paulo Medeiros e Alberto Simplício
Do Jornal da Paraíba

Pouco depois de 48 horas, a Polícia Civil de Campina Grande acredita ter elucidado o assassinato do professor de português Valderi Carneiro Santos, de 44 anos, morto dentro de uma pousada na rua Tavares Cavalcante, no Centro da cidade, no último sábado. No entanto, até o fechamento desta edição nenhum dos suspeitos havia sido detido.

Para a polícia, o crime foi cometido por dois menores que já foram identificados e teriam agido para roubar a vítima. Os acusados ainda levaram a carteira, um aparelho celular e documentos do professor. A hipótese do crime ter sido motivado por homofobia, porém, também está sendo analisada.

Os suspeitos de terem sido os autores do assassinato teriam começado a ‘tramar’ o golpe em um bar no bairro da Liberdade. Acompanhados de outros homens, os dois teriam se deslocado para um outro estabelecimento no Centro da cidade, às margens do Açude Novo, e depois mantido um encontro com a vítima. Pouco depois das 5h, os dois teriam pedido um táxi e se deslocado das proximidades do Terminal de Integração para a pousada, passando por ruas como Ruy Barbosa e Floriano Peixoto. A ação foi flagrada pelas câmeras de monitoramento da Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP).

Para a polícia, a vítima foi atraída pelos acusados para um suposto programa. Às 6h03 os três teriam entrado na pousada e solicitado a permanência até as 14h. Passava de 17h quando os funcionários do estabelecimento perceberam a ausência do hóspede e chamaram a polícia, que arrombou o local às 18h. Valderi Carneiro Santos estava morto com marcas de sufocamento e cortes, possivelmente provocados por latas de cerveja.
Antes mesmo do corpo ter sido encontrado, familiares do professor suspeitaram da ação e ligaram para a polícia, por volta de 11h do sábado, informando que a vítima estava desaparecida. A polícia chegou a ir em um dos motéis da cidade, mas não encontrou Valderi (foto ao lado).

“Nós já identificamos os autores e temos informações suficientes com relatos detalhados de como eles agiram. Mas as informações serão apresentadas numa coletiva que vai esclarecer tudo”, observou ontem a delegada de Homicídios, Cassandra Duarte, que está investigando o caso.

Segundo a polícia, depois de matarem o professor, os acusados ainda se apoderaram da chave de sua residência, no bairro do Catolé, e foram até o local, mas não conseguiram roubar objetos da casa. Eles acabaram flagrados pela mãe da vítima e fugiram sem levar nada. Além dos dois menores, a polícia investiga ainda se outros três homens que foram vistos com o professor em um bar às margens do Açude Novo também tiveram algum tipo de participação no assassinato.

De acordo com a delegada Cassandra Duarte, a análise das imagens das câmeras de segurança da cidade serão cruciais para identificar os ocupantes do carro em que Valderi estava no momento em que se dirigia para a pousada. As imagens do local onde ele estava bebendo na madrugada do último sábado também estão sendo analisadas. O corpo de Valderi Santos foi velado durante o último domingo e enterrado no mesmo dia, em Campina Grande

Fonte:http://joaoesocorro.wordpress.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.