"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

quarta-feira, março 28, 2012

Agente penitenciário sequestra e espanca a ex-namorada

Após o fim do relacionamento, acusado, que foi preso,estaria ameaçando de morte a mulher e o filho dela, de 11 anos.

LUCAS SIMÕES

Uma agente penitenciária de 34 anos viveu momentos de terror durante a madrugada de ontem, ao ser sequestrada e espancada pelo ex-namorado, que também é agente penitenciário. O caso aconteceu em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com o relato da vítima à polícia, Luiz Henrique de Souza, de 30 anos, estava inconformado com o fim do relacionamento com ela e ameaçou matá-la juntamente com o filho dela, de 11 anos.


Segundo a polícia, Souza abordou a ex-namorada por volta das 19h, na porta do Presídio Regional de Nova Lima, no centro da cidade, onde ela trabalha. No local, ele discutiu com a ex e roubou o celular dela após questionar se ela estava recebendo ligações de outro homem.


Inconformada, a agente penitenciária foi até a 1ª Cia. de Polícia Militar e registrou um boletim de ocorrência contra o ex-namorado. "Na ocorrência, ela conta que foi ameaçada por ele há alguns dias", informou o soldado Ithael Souza.


Luiz Henrique de Souza estacionou seu Voyage prata na porta do quartel e esperou a ex-namorada deixar o local para abordá-la novamente. A agente penitenciária foi obrigada a entrar no porta-malas do veículo. Ele seguiu pela MG-030 em direção a Belo Horizonte. O acusado parou o carro em um local ermo e enforcou a ex-namorada até ela desmaiar, além de a agredir com vários chutes. Em seguida, ele colocou a vítima no banco do passageiro e continuou o percurso.


Ao acordar e notar que passava próximo a um posto da Polícia Militar Rodoviária (PMRv), a vítima pediu socorro pela janela do carro. O agente penitenciário parou o carro para agredi-la novamente, mas ela conseguiu fugir e entrar em um ônibus.


A mulher foi socorrida pelos militares e levada para o hospital João XXIII. Ela teve o rosto desfigurado e disse ter "medo de morrer" caso o ex-namorado fique em liberdade. A vítima sofreu uma fratura no maxilar e hematomas nas costas. Até a tarde de ontem, ela permanecia internada e seu estado de saúde era estável.


Souza foi preso por militares do 22º batalhão, que abordaram o suspeito no bairro Belvedere, na região Centro-Sul da capital.

Fonte: http://www.otempo.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.