"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

quinta-feira, março 29, 2012

Jovens ricos presos por golpe

Polícia foi avisada por vizinhos, que suspeitaram das entregas constantes,

GABRIELA SALES

Quatro jovens de classe média alta, com idade entre 21 e 28 anos, estão presos em Ouro Branco, na região Central do Estado, suspeitos de uma série de golpes praticados com o uso da internet. Com grande conhecimento de informática, eles rastreavam dados de correntistas e empresas e sacavam dinheiro para fazer compras. Os suspeitos, detidos na última sexta-feira, agiam em Minas e em pelo menos outros cinco Estados - São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia e Maranhão.

Além da suspeita de crime cibernético, recaem sobre os jovens acusações de furto e estelionato. A Polícia Civil começou a investigar o esquema fraudulento há três meses. A denúncia partiu de vizinhos, que desconfiaram da quantidade de entregas de mercadorias para os suspeitos.

O grupo usava como fachada um laboratório de informática em uma casa alugada no bairro Pioneiros, região nobre da cidade. Apesar de registrada oficialmente, a empresa funcionava só para a prática dos crimes. Além de fazer movimentações nas contas das vítimas, a quadrilha agia usando os dados do laboratório.

Durante a investigação, os agentes acompanharam a movimentação financeira e de bens dos suspeitos. "Eles compravam roupas, móveis, alimentos e até carros novos, usando cartões de crédito de terceiros", explicou o inspetor Dionísio Nogueira.

Ação. Na sexta-feira, a polícia conseguiu prender em flagrante os quatro jovens: dois estavam na falsa empresa transferindo o dinheiro da conta de correntistas, e os outros dois recebiam, em uma agência dos Correios, produtos comprados com dinheiro desviado.

A polícia não divulgou o nome dos estelionatários, que estão detidos no presídio de Conselheiro Lafaiete, também na região Central. De acordo com o inspetor, como um dos envolvidos no esquema é do Maranhão, a suspeita é que haja outros participantes no golpe.

Durante a ação, a polícia apreendeu duas motos importadas, avaliadas em R$ 80 mil, além de documentos e computadores. "Foi tanta coisa que, quatro dias depois das prisões, ainda não conseguimos fazer a relação de todos os itens apreendidos", disse, ontem, Dionísio Nogueira.
Atrás das grades

Penas. Os quatro jovens, que não possuem antecedentes criminais, ficarão presos até o fim das investigações sobre o esquema fraudulento. A pena para cada um poderá variar de dois a dez anos de reclusão.

Fonte: http://www.otempo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.