"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

segunda-feira, março 19, 2012

Polícia Civil apresenta dois homens acusados de torturar adolescente por 4 horas

A menor foi queimada, na última quinta-feira, com plástico derretido e moedas e colheres em brasa aquecidas por isqueiros.

A Polícia Civil apresentou na manhã desta terça-feira dois dos sete suspeitos de torturarem uma adolescente no local conhecido como Vila Estrela, no Morro do Papagaio, Região Centro-Sul de Belo Horizonte. Dos sete integrantes do grupo que torturou a menina, dois são maiores e estão foragidos com mandado de prisão decretado e três são menores.

A adolescente foi encontrada pela Polícia Militar durante uma operação para combater o tráfico de drogas na região, na última sexta-feira. Ela estava em situação degradante, com diversos machucados no corpo e denunciou que tinha sido torturada por um grupo de sete homens durante 4 horas. O motivo da tortura seria uma disputa por ponto de venda de drogas. A menor foi queimada, na última quinta-feira, com plástico derretido e moedas e colheres em brasa aquecidas por isqueiros. Foram feitas queimaduras em todo o corpo, até no couro cabeludo.
Identificados com base nos depoimentos da vítima, Bruno Henrique do Carmo Dias e Winston Keneddy Duarte, ambos de 18 anos, foram presos na noite dessa sexta-feira. Segundo a Polícia Civil, eles pertencem a uma quadrilha de 20 pessoas, 12 deles menores, que disputam pontos de droga no Morro do Papagaio. Ambos são acusados de tortura, cárcere privado e corrupção de menores. Eles ficarão presos no Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp).

O caso

A adolescente é namorada de um traficante que tentava conquistar pontos de distribuição de entorpecentes. A jovem foi alvo de retaliação da gangue que domina o local. A vítima disse que só não foi executada para servir como exemplo, ou seja, a tortura foi um recado para que o namorado abandonasse de vez a região. A menina foi encaminhada ao Conselho Tutelar e foi incluída no programa de proteção a testemunhas.
Fonte: http://www.em.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.