"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

terça-feira, março 13, 2012

EUA continuam sendo maior mercado de cocaína do mundo

Os Estados Unidos continuam sendo o principal mercado mundial de cocaína, com 4,8 milhões de usuários, embora sua importância tenha sido reduzida nos últimos anos, segundo a Junta Internacional de Fiscalização de Entorpecentes (Jife).
"Em 2009, 4,8 milhões de pessoas consumiram algum tipo de cocaína nos EUA, em comparação com os 5,3 milhões de 2008", afirma a Jife em seu relatório de 2010.

Com esse número de consumidores, os EUA representam 41% do mercado internacional da droga, na frente da Europa, com 29%, segundo o órgão, que indica que "embora o mercado da cocaína tenha sido reduzido na América do Norte, continua aumentando na Europa".

Nos Estados Unidos, os traficantes mexicanos controlam os mercados ilegais de cocaína, heroína e metanfetamina, segundo a Jife, que assegura que neste país o consumo de todas as drogas aumentou, menos o da cocaína.

Cerca de 38 milhões de pessoas consumiram drogas ilícitas nos EUA em 2009, o que representa um aumento de 2,5 milhões com relação a 2008. A maconha continua sendo a droga mais utilizada, com 28,5 milhões de usuários.

Como efeito da alta dos confiscos, houve escassez de cocaína "em muitas regiões dos Estados Unidos em 2009", o que representou um aumento dos preços e uma queda na pureza da droga.

A Jife também revelou que entre 1999 e 2007, o número de mortes relacionadas com as drogas foi duplicado até chegar a mais de 38 mil só nesse último ano.

"Um aspecto que inquieta especialmente a Junta é o consumo cada vez maior de maconha e de remédios que contêm substâncias controladas pelos jovens desse país", explica o organismo encarregado de supervisionar a aplicação dos tratados internacionais contra as drogas.

De fato, o uso abusivo de remédios que só podem ser obtidos com receita é a maior causa de dependência nos EUA, como demonstra o dado de que 16 milhões de pessoas tenham utilizado essas substâncias em 2009, 800 mil a mais do que no ano anterior.

Em outro âmbito, a Jife também vê como uma "afirmação" dos tratados internacionais contra as drogas o fracasso do plebiscito realizado em novembro na Califórnia sobre uma possível legalização da maconha para autorizar seu cultivo, posse, consumo e compra aos maiores de 21 anos.

Fonte: http://noticias.terra.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.