"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

sexta-feira, outubro 21, 2011

Agente penitenciário negocia fuga de preso por R$ 10 mil no Baldomero

Preso condenado a 19 anos por homicídio qualificado tentou passar pela guarita como visitante com carteira de identificação falsa
Ana Márcia

O agente penitenciário contratado Valdemir Carvalho Ferreira, 45 anos está preso na Central de Polícia por tentar soltar um preso que cumpre pena de 19 anos, por homicídio qualificado no Presídio Baldomero Cavalcante ontem, em troca de R$ 10 mil. Ele vai responder por crime de corrupção passiva, previsto nos artigos 304 e 317 do Código Penal Brasileiro. A fuga foi impedia pelos agentes penitenciários plantonistas do sábado, 15 de outubro.

O reeducando José Márcio Freitas Vieira, 24 anos, negociou a sua liberação, adiantando R$ 5 mil. Segundo registros feito à Central de Polícia, sob a coordenação do delegado Roberto Lisboa, Márcio Freitas tentou se passar por visitante, utilizando uma carteira de identidade falsa: RG nº 32546873, pertencente a Marcos Almeida Vieira, expedida em 17.03.2004, quando foi abordado pelo agente penitenciário da guarita de segurança, qua acionou os demais colegas e a direção da unidade prisional.

Os próprios agentes penitenciários foram testemunhas da ocorrência, conduzindo Valdemir Carvalho Ferreira à Central de Polícia onde foi feita a prisão em flagrante. O caso será apurado pela 10ª Delegacia de Plantão.

O crime de corrupção passiva é atribuído a funcionário público quando: "solicitar ou receber, para si ou para outros, direta ou indiretamente, ainda que fora da função ou antes de assumi-la, mas em razão dela, vantagem indevida, ou aceitar promessa de tal vantagem". A pena pode variar de 2 a 12 anos de prisão.

O preso José Márcio Freitas Vieira esteve preso também por ser pego em 2008 com armas, munições e drogas, no bairro do Bom Parto. À época havia acusações que ele integrava a quadrilha do traficante “Aranha”, um dos mais visados da capital. O líder do tráfico de drogas cumpre hoje pena no presídio federal de Catanduvas, no Paraná.

Fonte: http://www.tribunahoje.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é importante para nosso aperfeiçoamento e avaliação das demandas necessárias dos Agentes de Segurança Socioeducativos, contamos com a educação, o bom senso a o união de todos na construção de um sistema melhor e verdadeiramente eficiente.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.