"Agentes de Segurança Socioeducativo ajudem ao SINDSISEMG a melhorar as condições do Sistema Socioeducativo, filiem-se, acessem e participem dessa conquista.

sábado, março 31, 2012

Briga dentro de cadeia

Adolescentes apreendidos são suspeitos de participar da morte de médica em Jaguariúna

MENORES ACUSADOS DE CRIME EM HIDROLÂNDIA

Adolescente apreendido jogando pedra em telhado em Antônio João

Ontem, por volta das 11h40min., uma viatura do Pelotão Polícia Militar do município de Antonio João apreendeu um adolescente infrator que estava jogando pedras contra o telhado de uma residência, quebrando três eternites.

O adolescente foi flagrado e apreendido pela PM, admitindo ter apenas 15 anos de idade e que estava na companhia de mais oito adolescentes, que após cometerem o delito evadiram-se do local, não sendo possível localizá-los.

O adolescente foi apreendido e o Conselho tutelar foi acionado a comparecer na Delegacia de Polícia Civil.

Fonte: http://www.reporterms.com.br

MENORES DO CRIME SÃO APREENDIDOS


Após ter alvejado um homem com um tiro no braço na tarde desta segunda-feira (19), na tentativa de roubar uma motocicleta, dois assaltantes voltaram a atuar na mesma região, por volta das 17h. Desta vez, os bandidos conseguiram roubar uma motocicleta verde. Segundo a polícia, o proprietário da moto agiu rapidamente e informou aos policiais que faziam a ronda na Vila Presidente Vargas sobre o ocorrido. A equipe Tático Ostensivos Rodoviários (TOR), da Polícia Rodoviária Estadual foi acionada, realizando uma busca no local. Após a varredura, os policiais encontraram dois indivíduos em atitude suspeita, tentando desviar da viatura, próximo a um posto de combustíveis, que fica às margens da BR-030, em frente à Magnesita. Na abordagem, os criminosos, que estavam com a moto roubada, foram reconhecidos pela vítima. A equipe TOR encaminhou os menores, de 14 e 17 anos, á delegacia, onde foi lavrado o flagrante. Os menores ficarão apreendidos à disposição da justiça.
(Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias).

Fonte: http://www.brumadonoticias.com.br

UNAÍ - PM apreende menores com armas

Ontem, militares do 28º Batalhão apreenderam dois menores por porte ilegal de armas em Unaí.

Durante patrulhamento pelo Bairro Divinéia, os PMs suspeitaram do comportamento de um dos jovens. Durante uma busca pessoal foi encontrada na cintura de um dos menores uma pistola calibre 6.35, municiada com uma munição intacta, e na cintura do outro adolescente uma garrucha cal. 320 desmuniciada.

Na casa de um dos rapazes, os policiais encontraram uma réplica de pistola 9mm e um simulacro de arma de fogo. Eles foram apreendidos e conduzidos para a Depol.

Fonte: PMMG

Maiores no voto, menores no crime

Vi agora uma propaganda do TSE estimulando o voto da garotada de 16 anos. Então fica assim: galalau de 16 anos é homem consciente e maduro na hora do voto, mas criança inimputável se matar alguém, e mentecapto indefeso diante do cigarro mentolado e da propaganda de chocolate. Cobrar coerência do governo é como cobrar decoro em um bordel mesmo!

Alguém desconfiado poderia afirmar que fazem isso porque é mais fácil conquistar o voto dos jovens com venda de promessas utópicas... Mas claro que ninguém acredita que nossos políticos tenham intenções tão maquiavélicas. Eles são tão sérios na média!

Escrevi um artigo em 2007 sobre os excessos do ECA, que protegem os marmanjos quando cometem crimes, tornando-os praticamente inumputáveis.
Fonte:rodrigoconstantino.blogspot.com.br

Falsa grávida é presa com barriga de cocaína no RN


Uma falsa grávida de 20 anos foi presa na madrugada desta sexta-feira no Aeroporto Internacional Augusto Severo, em Parnamirim (RN). Na falsa barriga postiça havia 2,1 kg de cocaína. Um homem de 24 anos também foi detido.
De acordo com a Polícia Federal, os policiais suspeitaram da passageira, que chegou sozinha e passou a fazer contatos através de um celular. Ela foi seguida até o estacionamento, onde um homem a esperava em um táxi.

À polícia, a jovem contou que recebeu uma proposta de R$ 3 mil para buscar a droga no Mato Grosso do Sul. Já o homem disse que "não sabia de nada" e que apenas foi dar uma carona a uma conhecida da família.
Fonte:br.noticias.yahoo.com

Estuprador é reconhecido após 15 anos

Vítima, abusada quando tinha 11 anos de idade, identificou o suspeito que caminhava pelo bairro Anchieta; ele confessou o crime.

GUSTAVO PRADO

O acusado de ter estuprado uma menina de 11 anos, em 1997, foi apresentado ontem pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher. Ele foi reconhecido pela vítima, anteontem, 15 anos após o crime. A mulher, hoje com 25 anos, encontrou o suspeito andando pela rua e o seguiu até sua casa, quando acionou a polícia. Pedro Meyer Ferreira, de 57 anos, confessou ter abusado sexualmente da vítima.


O crime teria sido cometido nas escadarias do prédio onde a vítima morava, no bairro Cidade Nova, na região Nordeste da capital. O suspeito teria abordado a menina na rua e a levado para dentro do prédio. Na época, o pai da garota pediu o fim das investigações da Polícia Civil pelo desgaste emocional causado à filha.


A família da garota, abalada, mudou-se para o bairro Anchieta, na região Centro-Sul, pouco tempo depois. Segundo depoimento da vítima à Polícia Civil, ela afirmou que jamais esqueceria o rosto do agressor, sendo capaz de reconhecê-lo em qualquer lugar.


Demorou, mas foi o que aconteceu. O destino ficou encarregado de colocar frente a frente vítima e criminoso 15 anos depois. Anteontem à tarde, passando de carro pela zona sul de Belo Horizonte, a mulher avistou seu agressor caminhando pela rua, ainda com a mesma barba e bigode usados na época, apenas com a aparência mais envelhecida - ontem, foi o aniversário de Meyer. Ela o seguiu até a casa dele, que, para sua surpresa, ficava no Cruzeiro, vizinho ao bairro onde atualmente mora, e chamou a polícia.

*******************************************************
Confessa ter feito outras vítimas



Pedro Meyer Ferreira foi encaminhado para a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, onde prestou esclarecimentos e confessou o crime. Na madrugada de ontem, o homem teve decretada a prisão temporária. Ele será encaminhado para o Centro de Remanejamento de Presos (Ceresp) São Cristóvão e julgado pelo crime de estupro de vulnerável.


Segundo a Polícia Civil, em seu depoimento, o suspeito disse que escolheu sua vítima aleatoriamente. Ele ainda revelou outros dois abusos. As demais vítimas, com idades entre 16 e 26 anos, teriam sido atacadas entre os anos de 1992 e 2005.


Segundo a delegada Margaret Rocha, a polícia acredita em pelo menos outros dez casos. Ela afirma que, em 1997, apareceram diversas denúncias de abusos sexuais contra mulheres, mas nenhum dos suspeitos apresentados foi reconhecido pelas vítimas. Agora, as mulheres que identificarem Ferreira como o suposto estuprador podem ligar para o Disque-Denúncia, no 181. (GP)

******************************************************
MINIENTREVISTA COM A DELEGADA

Margaret Rocha

"É um trauma para o resto da vida."



Como o acusado agia?
Ele confessou que escolhia as vítimas por acaso. Ficava andando pelas ruas e, quando gostava de alguma menina, fazia a abordagem.


A polícia suspeita de outros casos?
Acreditamos que ele possa ter cometido pelo menos outros dez abusos, por vários bairros de Belo Horizonte.


Mesmo após 15 anos, como a vítima ainda poderia identificá-lo?
Esse é um trauma que fica pelo resto da vida da mulher. Além disso, o suspeito confessou não ter trocado o visual nos últimos anos, o que pode ter ajudado no reconhecimento.


O que as vítimas podem fazer em casos de abuso?
A apresentação do preso é um alerta à sociedade para os crimes de violência sexual. As vítimas de abusos devem denunciar. (GP)

sexta-feira, março 30, 2012

Senado Federal aprovou

O Senado Federal aprovou na última quarta-feira, 28 de março, o novo modelo de previdência do servidor público federal. O Projeto de Lei da Câmara 02/2012, aprovado em votação simbólica, acaba com a garantia de aposentadoria integral a servidores que recebam acima do teto do Regime Geral da Previdência Social, de R$ 3.916,20. Para ganhar acima desse valor, será preciso aderir à previdência complementar. A regra será obrigatória para quem ingressar no serviço público depois da implementação da lei, mas não atingirá os atuais servidores.A proposta
havia sido aprovada pela manhã na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) e na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). Agora segue para sanção presidencial. À sessão plenária esteve presente o próprioministro da Previdência Social, Garibaldi Alves.
De acordo com o texto, serão criadas três entidades fechadas de previdência privada, uma para cada Poder da República: Executivo, Legislativo e Judiciário. São elas a Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder Executivo (Funpresp-Exe), Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder Legislativo (Funpresp-Leg) e Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder Judiciário (Funpresp-Jud).A criação das entidades deve ocorrer até 180 dias após a publicação da lei no Diário Oficial da União. As fundações serão administradas de forma compartilhada entre representantes dos servidores e do Poder a que se referem, compondo os conselhos deliberativo e fiscal.
Relator da matéria nas três comissões que a analisaram (CAS, CCJ e Comissão de Assuntos Econômicos), o senador José Pimentel (PT-CE) afirmou que o novo regime de previdência trata de forma igualitária todos os trabalhadores, seja da iniciativa privada, do serviço público ou autônomos, ao trazer para todos as mesmas regras de aposentadoria.
Para novos servidores - O novo regime previdenciário será obrigatório para os servidores que ingressarem no serviço público a partir do início de funcionamento de cada uma das novas entidades. A obrigatoriedade, no entanto, trata da adoção do novo regime, mas não da adesão a essas entidades.Do novo servidor será descontado no contracheque 11% sobre R$ 3.916,20. Esse será o limite tanto para a
contribuição quanto para a aposentadoria e pensão -semelhante ao modelo já adotado para os trabalhadores da iniciativa privada, abrigados no RGPS.
Quem ganha acima deste valor e desejar aposentadoria ou pensão correspondente à sua remuneração deverá contribuir com o fundo de pensão do Poder para o qual trabalha. Haverá uma contrapartida do empregador, seja Executivo, Legislativo ou Judiciário, no mesmo percentual do empregado. A contrapartida do empregador, no entanto, será limitada a 8,5% da parte do salário que exceder os R$ 3.916,20.
Quem ganhar menos do que R$ 3.916,20 poderá contribuir com o fundo e, assim, conquistar o direito a uma previdência complementar, mas sem a contrapartida da União.Os atuais servidores e aqueles que ingressarem no serviço público até o dia anterior à entrada em vigor do novo regime também poderão optar por ele, se for de seu interesse. Para isso terão prazo de 24 meses para se decidir. A migração para o novo modelo, porém, será irrevogável. Em compensação, os que migrarem terão direito a receber, quando se aposentarem, uma parcela referente ao
período em que contribuíram pelo antigo regime previdenciário.
Denominada de benefício especial, essa parcela equivalerá à diferença entre a remuneração média do servidor e o teto do RGPS, calculada proporcionalmente ao tempo de contribuição que ele tem no regime previdenciário da União.
Fim da pressão - O senador Anibal Diniz (PT-AC) afirmou ter certeza de que o PLC 02/2012 irá se constituir em algo "muito importante’ para o Brasil ao dar segurança à previdência dos trabalhadores do setor público no futuro e aos investimentos no país. Para o senador, com a redução da pressão que a previdência promove nos gastos públicos, o governo poderá dar mais atenção a setores estratégicos da economia.
- Não podemos ficar vendo déficit na Previdência. Temos de fazer a previdência ficar sustentável -defendeu.Para começar a funcionar, as entidades previdenciárias terão recursos iniciais da União. A fundação do Executivo terá um aporte de capital inicial de R$ 50 milhões, enquanto as entidades do Legislativo e do Judiciário terão cada uma o capital inicial de R$ 25 milhões. Saiba o que muda com a adoção da previdência complementar dos servidores federais 1. Qual a principal mudança estabelecida pelo projeto de lei? O valor das aposentadorias e
pensões no serviço público federal civil será limitado ao teto do regime geral de previdência social (RGPS), hoje fixado em R$ 3.916,20.
Os servidores vão contribuir com 11%, limitados a esse teto. 2. O servidor poderá receber benefício além desse teto? Sim, se contribuir com o Funpresp. O governo contribuirá com o mesmo valor, até o limite de 8,5% sobre a parcela do vencimento que exceder ao teto do RGPS. O servidor não tem limite de contribuição. 3. Que servidores serão afetados pela mudança? Todos os servidores civis que ingressarem no serviço público federal a partir da criação do Funpresp. Os atuais
servidores podem optar entre manter-se no regime atual, com os direitos assegurados, ou aderir ao novo regime e às novas regras. 4. Os futuros servidores e aqueles que optarem pelo novo modelo continuarão contribuindo após a aposentadoria? Não. Os que ganham até o limite do RGPS deixam de contribuir com a Previdência depois da aposentadoria, como já ocorre hoje. E os que aderirem à Funpresp, ao se aposentar, também deixam de contribuir e passam a receber o benefício, de acordo com o contrato. 5. Como fica a situação da pessoa que ingressou no serviço público antes da criação do Fundo e que, já na vigência do novo regime, obteve aprovação em outro concurso público? Desde que o servidor tenha ingressado em cargo efetivo antes da criação do fundo, ainda que mude de cargo e de órgão, não está obrigado ao novo regime previdenciário. É importante destacar que, para manter os direitos, não pode haver interrupção entre o exercício dos dois cargos. 6. Como será a administração do Fundo? Será constituída de conselho deliberativo, conselho fiscal e diretoria executiva, compostas de representantes dos três poderes, e de servidores públicos titulares de cargo efetivo, eleitos pelos seus pares.
Para o diretor sindical Roberto Ponciano, a decisão é uma sombra na história dos trabalhadores do Brasil. "É uma página vergonhosa da história do país, não é verdade que há déficit na previdência dos servidores, que é superavitária, ou que isto vá liberar bilhões para outros fins. Na verdade, o regime é solidário e os servidores da ativa mantém o sistema superavitário e fazem jus à aposentadoria integral, depois de décadas pagando integralmente por ela. O novo regime é já
nasce fracassado, a crise nos EUA e na Europa com a quebra de vários fundos de pensão ditos" sólidos "e o naufrágio da aposentadoria demilhões de trabalhadores expôs o fracasso deste tipo de regime. Não é o regime que a CUT defende historicamente, defendemos uma previdência universal e solidária na qual todos possam se aposentar com seus ganhos reais, contribuindo na íntegra para ela. Este regime, hoje implantado, vai causar déficit futuro, já que os atuais servidores se
aposentaram na integralidade e os novos contribuirão no limite do sistema e vai dar um falso argumento para novas reformas futuras quevenham a solapar a integralidade dos vencimentos. Não elegemos um governo popular para isto, o que se aprovou hoje, num governo PeTista, foi a previdência privatista e neo-liberal projetada por FHC. É um retrocesso na história do país", protestou Roberto Ponciano, diretor do Sisejufe.

Fonte: Agência Senado e Imprensa Sisejufe

Adolescente é Preso com Crack em Tubarão - SC

Adolescente é morta a tiros em Fernão Velho

Policiais da 4ª Cia prendem casal de adolescentes com crack, maconha e cocaína

O comandante da 4ª Cia PM de Conceição do Coité, informou que a Operação Intensificação estará em atividade durante todo fim de semana, inclusive na zona rural do município.

Policiais militares da 4ª Cia de Conceição do Coité prenderam em flagrante, na noite de sexta-feira,16, casal de adolescentes que estavam traficando drogas nas proximidades da Praça da Matriz. Os PMs estavam realizando abordagens na região quando avistaram os suspeitos. Com os adolescentes foram encontrados maconha,cocaína e crack, além de celulares provavelmente usados para a venda das drogas.

Os presos são W. M. M. S, 16 anos; e a adolescente J. S. L, 15 anos. Eles informaram que são casados e moram na casa da mãe do rapaz. No momento da prisão os dois estavam com maconha, cocaína e crack prontos para o consumo. Em seguida confessaram que tinha mais droga escondidos em casa no bairro da Mansão onde foram encontradas 40 pedras de crack e R$ 1.591. Todo material foi encaminhado à Delegacia de Polícia juntamente com os menores infratores, ficando à disposição do delegado de Polícia Civil.
“Essa é segunda ocorrência envolvendo menores em dois dias”,lamenta o capitão Lessa. que disse ainda ao CN que está aumentando ações policias durante todo final de semana através da Operação Intensificação em toda região. São ações de policiamento ostensivo, que visam retirar de circulação o maior número possível de armas de fogo, coibir o tráfico de drogas, com a finalidade de reduzir a criminalidade, garantindo à sociedade baiana, sobretudo da Região Leste, a tranquilidade e a sensação de segurança, assegurando a liberdade e o bem estar do cidadão baiano. Na região sisaleira, ações sincronizadas foram realizadas na última sexta-feira, 16, onde dezenas de veículos e pessoas foram abordadas, resultando na prisão de menores acusados de tráfico de drogas.

O comandante da 4ª Cia PM de Conceição do Coité, informou que a Operação Intensificação estará em atividade durante todo fim de semana, inclusive na zona rural do município.

Da redação CN * com informações PM

Mata grávida para não assumir o filho

Cobrador de ônibus é suspeito de assassinar a namorada de 15 anos por não concordar com a gravidez da adolescente.

LUCAS SIMÕES

A gravidez de uma adolescente de 15 anos pode ter motivado o assassinato da jovem, encontrada morta com sinais de asfixia e espancamento, na manhã de anteontem, em um matagal às margens da BR-116, na divisa de Miradouro e São Francisco do Glória, na Zona da Mata. A estudante Larissa Oliveira, grávida de 5 meses, estava desaparecida desde o último sábado, quando saiu com amigos. Familiares contaram que ela foi ameaçada pelo cobrador de ônibus Janeir Alves Laviola, de 18 anos, que se relacionava com a jovem há seis meses e não queria assumir o filho.


Segundo o sargento Sebastião Roberto Ranquini, da 75ª Cia. do 47º Batalhão de Polícia Militar, a estudante saiu de casa por volta das 21h, junto com outra adolescente, para encontrar alguns amigos na praça São Francisco de Assis, no centro da cidade. Por volta de 1h, ela encontrou o namorado e os dois tiveram uma discussão. "Alguns amigos disseram que o rapaz falou para ela morrer junto com o filho porque ele não queria a criança", disse o militar.


Em depoimento à polícia, uma amiga da adolescente, de 16 anos, confirmou que foi deixada em casa pelo suspeito em um Fiat Palio azul, por volta de 1h40, e que ele seguiu com a namorada para um local desconhecido. A partir daí, a jovem não foi mais vista. A polícia foi acionada pela família da estudante no fim da tarde de domingo. Segundo a PM, o namorado da garota foi ouvido pelos militares após o desaparecimento dela, mas foi liberado. À polícia, ele relatou que teria deixado a menor na porta da Escola Estadual Santo Agostinho, onde ela estudava, e que o pai da jovem iria apanhá-la no local às 2h.


Desconfiados da versão do cobrador, a PM averiguou o carro utilizado pelo jovem na noite anterior e encontrou manchas de sangue no banco traseiro e na porta do carona. Depois disso, o suspeito desapareceu.


O delegado Pedro Jahara informou que o cobrador confessou o assassinato para o proprietário do veículo que ele pegou emprestado no dia do crime. "Ele devolveu o carro no outro dia de manhã e disse para esse amigo que tinha matado a namorada. O amigo dele ainda nos contou que foi ameaçado para não chamar a polícia", informou. O delegado Jahara pediu à Justiça a prisão preventiva do suspeito, que permanece foragido.

Fonte: http://www.otempo.com.br

quinta-feira, março 29, 2012

10 Drogas Que NÃO Devem Ser Usadas Quando Dirigir

Adolescente é suspeito de ter participado do asassinato de torcedor do Guarani

Adolescente leva dois meses para descobrir que levou tiro na cabeça no interior de São Paulo


José Bonato
Do UOL, em Ribeirão Preto (SP)
Um adolescente de Ribeirão Preto (313 km de São Paulo) ficou com uma bala alojada na cabeça durante dois meses sem ter conhecimento do que se tratava. O projétil foi retirado na última quarta-feira (29), na Santa Casa, e encaminhado à Polícia Civil para perícia. O rapaz, que tem 15 anos, passa bem.

Ele declarou ao hospital que comemorava o Ano Novo na companhia de amigos na rua do bairro onde mora, o Parque Ribeirão, quando ouviu um barulho e sentiu uma queimadura na parte de trás da cabeça. “A dor foi passageira, e continuei a comemorar o Ano Novo normalmente.”

O adolescente falou que, dias depois, surgiu um calombo na região onde sentiu a dor. Mas ele preferiu não comentar com ninguém em casa. A avó do rapaz, Zuleika Vital, ao tomar conhecimento do caso, achou melhor levá-lo ao médico porque suspeitou que fosse um tumor. “Para nós ele falou que tinha caído da bicicleta”, disse a avó.

A bala alojada no crânio não chegou a atrapalhar a rotina do jovem nesses últimos dois meses. Ele jogou bola normalmente com os amigos do bairro.

Extraiu a bala e foi para casa

A Santa Casa divulgou nota na qual afirma que, ao dar entrada no hospital, o garoto não apresentava “ferimentos no couro cabeludo nem ocorrências intracranianas” e que os médicos suspeitaram se tratar de um projétil. A extração da bala foi feita no ambulatório, sem necessidade de anestesia geral, e o adolescente foi liberado em seguida.

Fonte: http://noticias.uol.com.br

Família acorrenta adolescente usuário de drogas em Sergipe

Rapaz de 16 anos é viciado em crack e não quis ser internado.
Pais dizem que queriam evitar que ele saísse para consumir drogas.

O desespero de ver um filho viciado em drogas levou pais sergipanos a acorrentar um adolescente de 16 anos dentro da própria casa nesta quinta-feira (22). O rapaz é viciado em crack e não quis ser internado em uma clínica de reabilitação.

O pai dele diz que tomou essa atitude para evitar que o adolescente roubasse os pertences da família para vender ou trocar por droga. “Ele não respeita pai, nem mãe e irmão. Me sinto um fracasso”, diz emocionado.

O rapaz já chegou a agredir um irmão e já havia sido acorrentado em uma lavanderia, mas conseguiu fugir. O problema começou há seis meses e no início deste mês os pais procuraram ajuda na Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente e também tentou internar o adolescente em um hospital.

“O médico disse que não podia internar porque não tinha vaga e mesmo assim só poderia se meu filho quisesse e ele disse que não queria. E sem ele querer precisaria da ordem do juiz”, relata a mãe do rapaz.


Fonte: http://g1.globo.com

Adolescentes brigam em porta de escola pública de Rio Preto, SP

Mãe de aluna agredida registro Boletim de Ocorrência.
Direção do colégio não se manifestou sobre o assunto.


Do G1 Rio Preto e Araçatuba

Uma adolescente, de 16 anos, se desentendeu com uma colega de classe, de 15 anos, em uma escola pública no bairro Distrito Industrial, em São José do Rio Preto (SP) a 440 quilômetros da capital.

Segundo o boletim de ocorrência, as duas brigaram em frente ao colégio Philadelpho Gouveia Neto, onde estudam. A mãe de uma das agredidas procurou a polícia e quer uma investigação. A direção da escola se manifestou sobre o assunto.

Fonte: http://g1.globo.com/

STJ inocenta acusado de estuprar menores

SÃO PAULO. Ao julgar o caso de um homem acusado de estuprar meninas de 12 anos antes da mudança do Código Penal, a Terceira Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ) entendeu que ele não cometeu crime, porque as meninas eram prostitutas. Segundo a relatora do caso, ministra Maria Thereza de Assis Moura, não se pode considerar crime o ato que não viola o bem jurídico tutelado - no caso, a liberdade sexual.

Na época em que os estupros foram cometidos, o Código Penal considerava que o crime deveria ser cometido mediante violência, e que ela era presumida quando se tratava de vítimas menores de 14 anos. O artigo foi revogado em 2009 com a mudança da lei.

O réu foi acusado de ter praticado estupro contra três meninas de 12 anos, mas foi absolvido pelas primeira e segunda instâncias com o argumento de que as garotas "já se dedicavam à prática de atividades sexuais desde longa data".
Fonte: http://www.otempo.com.br

Jovens ricos presos por golpe

Polícia foi avisada por vizinhos, que suspeitaram das entregas constantes,

GABRIELA SALES

Quatro jovens de classe média alta, com idade entre 21 e 28 anos, estão presos em Ouro Branco, na região Central do Estado, suspeitos de uma série de golpes praticados com o uso da internet. Com grande conhecimento de informática, eles rastreavam dados de correntistas e empresas e sacavam dinheiro para fazer compras. Os suspeitos, detidos na última sexta-feira, agiam em Minas e em pelo menos outros cinco Estados - São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia e Maranhão.

Além da suspeita de crime cibernético, recaem sobre os jovens acusações de furto e estelionato. A Polícia Civil começou a investigar o esquema fraudulento há três meses. A denúncia partiu de vizinhos, que desconfiaram da quantidade de entregas de mercadorias para os suspeitos.

O grupo usava como fachada um laboratório de informática em uma casa alugada no bairro Pioneiros, região nobre da cidade. Apesar de registrada oficialmente, a empresa funcionava só para a prática dos crimes. Além de fazer movimentações nas contas das vítimas, a quadrilha agia usando os dados do laboratório.

Durante a investigação, os agentes acompanharam a movimentação financeira e de bens dos suspeitos. "Eles compravam roupas, móveis, alimentos e até carros novos, usando cartões de crédito de terceiros", explicou o inspetor Dionísio Nogueira.

Ação. Na sexta-feira, a polícia conseguiu prender em flagrante os quatro jovens: dois estavam na falsa empresa transferindo o dinheiro da conta de correntistas, e os outros dois recebiam, em uma agência dos Correios, produtos comprados com dinheiro desviado.

A polícia não divulgou o nome dos estelionatários, que estão detidos no presídio de Conselheiro Lafaiete, também na região Central. De acordo com o inspetor, como um dos envolvidos no esquema é do Maranhão, a suspeita é que haja outros participantes no golpe.

Durante a ação, a polícia apreendeu duas motos importadas, avaliadas em R$ 80 mil, além de documentos e computadores. "Foi tanta coisa que, quatro dias depois das prisões, ainda não conseguimos fazer a relação de todos os itens apreendidos", disse, ontem, Dionísio Nogueira.
Atrás das grades

Penas. Os quatro jovens, que não possuem antecedentes criminais, ficarão presos até o fim das investigações sobre o esquema fraudulento. A pena para cada um poderá variar de dois a dez anos de reclusão.

Fonte: http://www.otempo.com.br

quarta-feira, março 28, 2012

Leva tiro em frente as câmeras da TV Correio

Adolescente de 16 anos pode ser um gerente do tráfico em Santa Bárbara d'Oeste

Juízes visitam adolescentes viciados em crack para decidir destino deles

Para que a intervenção da Justiça aconteça mais rapidamente e seja mais eficiente, grupo de desembargadores, juízes, promotores e defensores públicos decidiu deixar seus gabinetes e ir ao encontro de crianças e jovens.

Em São Paulo, juízes visitam crianças e adolescentes viciados em crack antes de decidir qual será o destino deles. A repórter Graziela Azevedo acompanhou a primeira audiência.

Em um dos melhores abrigos de São Paulo, vivem 20 crianças e adolescentes que conheceram a pobreza, a violência, o abandono e as drogas.

“Trabalho em uma empresa de publicidade e estudo à noite”, diz uma jovem.

“Agora, eu estudo, trabalho. Nada de ficar parado, sempre tem alguma atividade aqui na casa para a gente fazer. Sempre temos a mente ocupada”, conta um rapaz.

Mas para estarem cercados de cuidados e olhando para o futuro, o caminho não foi fácil e nem sempre a Justiça ajudou.

“Eles acham que a melhor opção é Fundação Casa ou clínica. Eles nunca pensam assim: ‘vamos ver essa família como está?’”, diz a jovem.

“Não é ação de compreensão do que está acontecendo. Até porque o menino já chega na vara, no conselho tutelar, nessa rede, como culpado ou como inviável. E como culpado ou inviável, ou você serve para ser atendido de determinado jeito ou de determinado jeito”, avalia Valéria Pássaro, coordenadora do abrigo.

Para que a intervenção da Justiça aconteça mais rapidamente e seja mais eficiente, um grupo de desembargadores, juízes, promotores e defensores públicos decidiu deixar seus gabinetes e ir ao encontro de crianças e adolescentes que usam crack.

A experiência começou no serviço da prefeitura, onde estão internados 33 jovens com menos de 18 anos. Aos servidores da justiça se juntaram representantes das áreas da habitação, trabalho, assistência social e saúde.

“Geralmente, juiz tem um trabalho muito solitário. Ele decide sozinho. Aqui, eu decido com todos. Não é só a visão do Judiciário, é a visão de todos. Eu imagino que, com isso, o adolescente e a criança saem melhor atendidos”, diz o juiz Iasin Issa Ahmed.

O caso discutido foi o de uma jovem usuária de crack internada há cinco meses. A mãe, que ela não via há sete meses, foi encontrada e levada para o local. “Ela vai sair daqui para uma residência terapêutica, onde ela deve permanecer por ordem judicial. Nós estamos querendo agora correr atrás de demanda ao invés de a demanda vir ao nosso encontro”, afirma o desembargador Antonio Carlos Malheiros.

Fonte: http://g1.globo.com/

Adolescente é apreendido com crack escondido no gesso do braço

Apreensão foi no posto da PRF, em Guaíra, oeste do Paraná.

Menor levava 600 gramas da droga, diz polícia.

Do G1 PR

Um adolescente de 17 anos foi apreendido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na noite desta segunda-feira (26), em Guaíra, no oeste do Paraná. Ele estava com 600 gramas de crack escondidos dentro do gesso do braço esquerdo.

De acordo com a PRF, o menor estava em um táxi na BR-163 e durante a abordagem apresentou nervosismo. Ainda segundo a polícia, o adolescente disse que levaria a droga para Guaíra e receberia R$ 500.

(Foto: Divulgação/ Polícia Rodoviária Federal)
O menor foi encaminhado à delegacia de Polícia Federal de Guaíra.
Fonte: http://g1.globo.com

Brigas e remédios controlados




O agente penitenciário Luiz Henrique de Souza trabalhava na penitenciária Nelson Hungria e conheceu a ex-namorada há dois anos, em Nova Contagem, em Contagem, onde eles moravam. Segundo a mãe do suspeito, há pouco mais de uma semana, ele teria começado a tomar remédios controlados por causa das constantes brigas com a ex e o consequente término da relação. "Eles começaram a brigar demais, e ela parou de vir aqui em casa. Ele começou a ir atrás dela no trabalho e tomar remédios", disse a aposentada Talita Martins Costa, de 71 anos. (LS)


Fonte:
http://www.otempo.com.br/

Agente penitenciário sequestra e espanca a ex-namorada

Após o fim do relacionamento, acusado, que foi preso,estaria ameaçando de morte a mulher e o filho dela, de 11 anos.

LUCAS SIMÕES

Uma agente penitenciária de 34 anos viveu momentos de terror durante a madrugada de ontem, ao ser sequestrada e espancada pelo ex-namorado, que também é agente penitenciário. O caso aconteceu em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com o relato da vítima à polícia, Luiz Henrique de Souza, de 30 anos, estava inconformado com o fim do relacionamento com ela e ameaçou matá-la juntamente com o filho dela, de 11 anos.


Segundo a polícia, Souza abordou a ex-namorada por volta das 19h, na porta do Presídio Regional de Nova Lima, no centro da cidade, onde ela trabalha. No local, ele discutiu com a ex e roubou o celular dela após questionar se ela estava recebendo ligações de outro homem.


Inconformada, a agente penitenciária foi até a 1ª Cia. de Polícia Militar e registrou um boletim de ocorrência contra o ex-namorado. "Na ocorrência, ela conta que foi ameaçada por ele há alguns dias", informou o soldado Ithael Souza.


Luiz Henrique de Souza estacionou seu Voyage prata na porta do quartel e esperou a ex-namorada deixar o local para abordá-la novamente. A agente penitenciária foi obrigada a entrar no porta-malas do veículo. Ele seguiu pela MG-030 em direção a Belo Horizonte. O acusado parou o carro em um local ermo e enforcou a ex-namorada até ela desmaiar, além de a agredir com vários chutes. Em seguida, ele colocou a vítima no banco do passageiro e continuou o percurso.


Ao acordar e notar que passava próximo a um posto da Polícia Militar Rodoviária (PMRv), a vítima pediu socorro pela janela do carro. O agente penitenciário parou o carro para agredi-la novamente, mas ela conseguiu fugir e entrar em um ônibus.


A mulher foi socorrida pelos militares e levada para o hospital João XXIII. Ela teve o rosto desfigurado e disse ter "medo de morrer" caso o ex-namorado fique em liberdade. A vítima sofreu uma fratura no maxilar e hematomas nas costas. Até a tarde de ontem, ela permanecia internada e seu estado de saúde era estável.


Souza foi preso por militares do 22º batalhão, que abordaram o suspeito no bairro Belvedere, na região Centro-Sul da capital.

Fonte: http://www.otempo.com.br/

Crianças e drogas no carro

Dois homens de 34 anos foram presos ontem, em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira, com aproximadamente 120 kg de maconha em um carro. A dupla estava acompanhada por uma mulher, que não foi identificada, e três crianças.


De acordo com a Polícia Civil, Paulo Henrique Dias Castro e Alexandre Arcanjo Martins foram parados no bairro Jardim Gaúcho, na manhã de ontem, durante uma blitz de rotina. A maconha foi encontrada no porta-malas do carro. No veículo, também foram encontrados 1 kg de cocaína e uma porção de crack. Os dois suspeitos assumiram a posse dos entorpecentes e foram encaminhados para uma delegacia da cidade.


A mulher que também estava no carro seria companheira de um dos suspeitos, e as três crianças seriam suas filhas. Ela não foi detida, mas deverá prestar depoimento.

Fonte:http://www.otempo.com.br/

terça-feira, março 27, 2012

Preso homem acusado de assassinar adolescente de 13 anos.

Adolescente é apreendido com metralhadora na favela do Tranquilim

Acusado disse que arma era para se defender de dois homens que o ameaçava e denunciou que estes teriam incendiado sua casa no início da noite.

Por Tiago Medeiros

Um adolescente, de 17 anos, foi apreendido na noite desse domingo (18) por policiais militares da Rocam e da Polícia Ambiental na favela do Tranquilim, em Mossoró, com uma metralhadora calibre 38, de fabricação caseira.

Na delegacia de plantão, o adolescente contou que a arma era para se proteger de dois homens, que o procurava na favela, ameaçando inclusive outros moradores. Ele ainda revelou o nome da dupla que o ameaçava e denunciou que no início da noite eles estiveram em sua casa o procurando, mas como não o encontraram, incendiaram o barraco.

Fonte: http://www.nominuto.com

Adolescente de 13 anos é morto perto de casa em Duque de Caxias, no RJ

Testemunhas dizem que menor foi morto por policiais militares.
Polícia Civil abriu inquérito para apurar o crime.

Do RJTV

Um adolescente de 13 anos foi morto a tiros na madrugada desta segunda-feira (26), perto de casa, no bairro Centenário, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

De acordo com parentes, Igor Cordeiro Manhães voltava para casa de moto depois de uma festa da família. Ele estava junto com um amigo em uma motocicleta. Segundo testemunhas, o crime foi cometido por policiais militares.

Durante o percurso, segundo testemunhas, um carro da Polícia Militar passou pelos dois menores. Os PMs teriam pedido que eles parassem e começado a atirar. Segundo a polícia, Igor foi morto com quatro tiros. Moradores recolheram pelo menos 18 cápsulas de fuzil calibre 762 perto de um canal, entre as ruas Doutor Furquim Mendes e Doutor Ribeiro.

"Ele não tentou fugir. Houve um intenso disparo de arma de fogo. Não houve nenhuma troca de tiro, pelo contrário, ele foi abordado e daí foi alvejado", disse uma testemunha.

Igor frequentava uma escola estadual do bairro e estava no sétimo ano. A tia, a única pessoa da família que conseguiu falar, afirma que ele não tinha envolvimento com o crime: "A família ficou o dia todo reunida, o dia todo, para chegar mais tarde essa tragédia terrível. O menino estudava, a família está aterrorizada com essa tragédia, aterrorizada", disse ela.

Investigações
Nesta segunda-feira (26), a polícia informou que o delegado da 59ª DP (Duque de Caxias), Cláudio Vieira, abriu um inquérito para investigar as circunstâncias da morte do menor.

Uma equipe do setor de homicídios da delegacia busca testemunhas que possam ajudar na identificação dos suspeitos do crime. Nos próximos dias, os familiares também devem ser ouvidos. De acordo com a família, o caso foi registrado na delegacia como auto de resistência, com troca de tiros.

Fonte: http://g1.globo.com

segunda-feira, março 26, 2012

Menina de 12 anos é morta com mais de 100 facadas em Rio Verde

Duas menores foram apreendidas suspeitas de terem matado a menina

Rio Verde/Goiás – Um crime bárbaro, na tarde desta quinta-feira (03), chocou moradores de Rio Verde, Sudoeste do Estado. Larissa Alves Guimarães Barbosa, de 12 anos, foi assassinada dentro da casa da avó, com mais de 100 facadas. A maioria dos golpes atingiu, rosto, pescoço e braços. Um aparelho de choque, possivelmente com o intuito de imobilizar a jovem, também foi utilizado. Outras duas adolescentes são suspeitas de efetuarem o crime. Elas foram apreendidas ontem à noite.

A Polícia Civil acredita que o crime pode ter ligação com outro assassinato ocorrido no dia 11 de janeiro. Larissa prestou depoimento à Polícia Civil no caso da morte de Ricardo Tavares de Souza, de 26 anos. Ele foi morto a pedradas e facadas por rapazes, no pronto-socorro do Hospital Evangélico. Larissa testemunhou o assassinato.

Larissa foi encontrada no quarto e não havia sinais de luta. As adolescentes foram surpreendidas com a chegada da avó da jovem, Altiva Guimarães Barbosa, de 69 anos, e agrediram a mulher com choques. Policiais militares e funcionários do Samu afirmam que no quarto onde a jovem foi assassinada não havia sinais de luta corporal. “Tenho 15 anos de corporação e nunca havia visto isso”, disse um policial.




Delegado Danilo confirma: polícia apreendeu as assassinas da garota e mais 3 pessoas envolvidas

Conforme o delegado, as duas menores que cometeram o bárbaro crime eram amigas de Larissa. Elas conseguiram entrar na residência, mataram a menina e roubaram R$ 126,00.

Ainda segundo o delegado de Polícia Danilo, as duas adolescentes presas já confessaram o crime. Mais três pessoas estão envolvidas, dois menores e Michael Ferreira do Nascimento, de 18 anos.

Conforme informações, os 5 planejaram o crime. Os 4 menores devem ser transferidos para o Centro de Internação de Goiânia e o maior já está à disposição da Justiça.
Fotos: Arquivo de familia/ Larissa

Fonte: http://routenews.com.br



Video

Justiça condena traficantes e aliciadores de menores

Midia News

Quinze integrantes de uma quadrilha especializada em tráfico de drogas, denunciados pelo Ministério Público Estadual (MPE), foram condenados pela Justiça de Mato Grosso, nesta semana. O julgamento aconteceu na Comarca de São José dos Quatro Marcos (315 km a Oeste de Cuiabá), na região da Grande Cáceres.

O chefe do grupo, Jair Ribeiro de Souza, foi quem recebeu a maior pena: 34 anos de reclusão. Os demais membros foram sentenciados a penas que variam de dois a 17 anos de prisão, dependendo da função exercida no bando.

Os demais condenados são: José Carlos do Espírito Santo da Silva, Lucira Ferreira da Cruz, Gilmar Ferreira da Silva, Jacobes Pereira dos Santos, Raphael Gimenez Viana, Mírian Nunes da Silva Pereira, Maria Felícia Romeiro Neto, Weber Camilo Bertolin, Marcos César Ribeiro Tostes, Adriano de Oliveira Correia, Edinelson Korb, Maria Aparecida Barbosa Romandini, Cleyton da Silva e Altayr de Paiva Júnior.

De acordo com o autor da denúncia feita pelo MPE, o promotor José Jonas Sguarezi Junior, apenas cinco dos condenados não poderão recorrer da sentença em liberdade.

O promotor afirmou que a quadrilha foi acusada de transportar e comercializar pouco mais de 10 kg de cocaína, chegando a usar menores de idade nas ações.

O chefe do grupo encomendava a droga da Bolívia, país que faz fronteira com Mato Grosso, e seus subordinados ficavam encarregados de buscar o entorpecente.

“A informação do comércio interestadual de drogas foi confirmada por alguns réus durante a instrução processual. Foi constatado também que o comércio de entorpecentes envolvia, inclusive, crianças e adolescentes”, salientou Sguarezi.

Parte da droga era revendida na região, na casa do próprio Jair Ribeiro, e servia para abastecer as bocas-de-fumo” em Quatro Marcos, e o restante era transportado para Goiás.

“Durante as interceptações telefônicas, notou-se que, a todo momento, todos os envolvidos comunicavam-se em códigos, típicos de quem é useiro e vezeiro na prática do tráfico de drogas. Isto, com o intuito de dificultar as investigações”, afirmou o promotor.

Fonte: http://diaadianews.com.br

Menores no Crime – Menores de 13, 14 e 15 anos são presos pela PM após realizarem roubo

Durante a fuga os infratores foram seguidos por populares e localizados na Rua Paraná

Por volta das 18hs20min de quarta-feira (21) a guarnição da Base de Policiamento Comunitária 03, composta pelos policiais militares Ivon e Vieira foram acionados a comparecerem a Rua Paraná, Setor 05, onde segundo informações populares estavam segurando dois menores que haviam realizado um roubo.

No local foram localizados os infratores M.S.L, 14 anos, Y.B.S, 13 anos e a vítima L.C.W, 14 anos, a qual relatou que acabara de sair do Comercial Ideal, localizado na Avenida Machadinho, Setor 06, quando foi abordado por três elementos os quais simulando estarem armados subtraíram da vítima um aparelho celular de marca Nokia, cor azul e modelo ignorado e em seguida fugiram pelas ruas do Setor 05.

Durante a fuga os infratores foram seguidos por populares e localizados na Rua Paraná, onde permaneceram até a chegada da guarnição.


Ao serem perguntados sobre o paradeiro do celular roubado, os infratores informaram que o mesmo ficou em posse do infrator G.S.L, 15 anos, irmão de M.S.L, que seguiu para sua residência na Rua registro, Setor 09 de cima. Foi realizado diligencias a Residência de Gabriel, porém o mesmo não foi localizado.

Durante o registro da Ocorrência Policial, compareceu na Delegacia o infrator G.S.L, o qual entregou o aparelho celular de marca Nokia, de cor azul com preto.
Diante dos Fatos os três infratores foram apresentados na Delegacia de Policia Civil de Ariquemes, juntamente com o aparelho Celular e após ser lavrado o flagrante os mesmos foram encaminhados ao CESEA (Centro Sócio Educativo de Ariquemes), onde permaneceram internados.
Fonte: http://www.rondoniadinamica.com

Menor suspeito de matar colega é ouvido por promotor

Da redação

O adolescente de 13 anos, suspeito de matar o colega Reinick Vilela Alves, também de 13 anos, anteontem no bairro Jardim Brasília, zona norte de Uberlândia, foi apresentado ao promotor José Roberto Cardarelli, no Fórum, ontem à tarde. O menor estava acompanhado da mãe e de um advogado. A acusação do Ministério Público deve ser apresentada em até 24 horas. O menino foi encaminhado, na segunda-feira, para o Centro Socioeducativo de Uberlândia (Ceseu), onde deve permanecer por, no máximo, 45 dias até que a Justiça decida se mantém o adolescente em internação provisória ou não. “Foi no susto, eu não queria matar ele, só peguei a faca para assustá-lo”, afirmou o menor suspeito, em entrevista ao CORREIO de Uberlândia anteontem.

Fonte: http://www.correiodeuberlandia.com.br/

Menor suspeito de vender drogas em bares é detido em Salto, SP

Ele foi flagrado pela Guarda Civil Municipal do município.
Adolescente escondia as drogas em uma área de lazer na Vila Norma.


Adriane Souza
Do G1 Sorocaba e Jundiaí

Após ser observado por membros da Guarda Civil Municipal de Salto, interior de São Paulo, um adolescente foi detido na madrugada deste domingo (18), por ser suspeito de traficar entorpecentes em bares da Vila Norma.

Conforme informou a GCM, uma denúncia anônima informou que um rapaz estava guardando drogas numa área de lazer e vendendo em alguns bares da rua João Ramalho. No local, os guardas observaram a movimentação do adolescente, que negociava os entorpecentes com pessoas nos bares e seguia para uma quadra de bocha, próxima a uma creche municipal, para buscar a droga.

O adolescente foi abordado. Com ele foram apreendidos R$ 59,30 e um celular. Na área de lazer, os guardas localizaram porções de cocaína, maconha e crack. O menor assumiu que vendia entorpecentes naquela área. Ele foi encaminhado à delegacia do município, onde uma ocorrência de ato infracional de tráfico de entorpecentes foi registrada.


Foto: Divulgação/Guarda Civil Municipal
Fonte: http://g1.globo.com/

JEQUITAÍ – PM tira de circulação seis pessoas envolvidas em duplo homicídio

Na madruga da última terça-feira, 20, policiais militares do 55º Batalhão tiraram de circulação seis pessoas que estariam envolvidas em um duplo homicídio. Antes, a PM recebeu informações dando conta que dois corpos foram encontrados nas margens de um córrego com sinais de violência no pescoço.

Imediatamente, uma equipe do Destacamento de Jequitaí seguiu para o local e apurou que as vítimas foram, provavelmente, mortas por esganadura e que os criminosos teriam usado para isso um fio de arame farpado.

Durante rastreamentos, os componentes das equipes descobriram que o crime teve participação de dois homens e uma mulher, que estavam escondidos em uma residência na na Rua Cristo Rei, Bairro Novo Horizonte. Com apoio de uma guarnição de Pirapora, os policiais militares foram até o endereço e, ao chegar no local, depararam com dois dos suspeitos embalando drogas.

Ao avistar os policiais militares saíram correndo, mas um deles, D.V.F., 21 anos, foi alcançado e detido com uma PT calibre 380, cromada, com numeração raspada e carregada com 11 munições intactas. Na casa do rapaz, foram apreendidas uma pedra bruta de crack, pesando 50g, 297 pedras da mesma droga, já embaladas, e 153 papelotes de cocaína.

Os policiais militares localizaram e apreenderam ainda uma menor que teria participado dos homicídios, e prenderam A.S.R.A., 20 anos, e W.R.S., 23 anos, também envolvidos no crime. Em continuidade às diligências, localizaram mais dois menores infratores, que seriam cúmplices dos outros suspeitos.

A dupla tinha em seu poder um revólver calibre 32, com seis munições intactas. Diante das evidências, todos os envolvido nos assassinatos foram conduzidos para a delegacia local, juntamente com os materiais apreendidos. O crime chocou os moradores do município, mas a resposta rápida da PM deixou para a família das vítimas a certeza que a Justiça será feita. (Alexandre França)


Fonte: https://www.policiamilitar.mg.gov.br

Maus hábitos da adolescência

Médicos alertam que cada um deve ter a sua própria garrafinha de água.

LUIZA ANDRADE

"Ei, me dá um gole da sua água?". Essa é uma frase que está sempre presente nas salas de aula, principalmente quando tem matéria importante no quadro e os alunos não podem caminhar até o bebedouro, que fica do lado de fora.

A camaradagem faz parte da rotina de muitos estudantes. Afinal, se o seu amigo lhe pede um gole d’água, por que não emprestar a garrafinha, certo? Errado.

Segundo a presidente do Comitê de Infectologia Pediátrica da Associação Médica de Minas Gerais, Andreia Luccesi, o que poucos adolescentes sabem é que, em apenas 1 mm de saliva, há mais de 150 milhões de bactérias. "Claro, a maioria delas vive em harmonia com o ambiente. Mas, e se houver apenas uma que pode fazer mal?", instiga.

Os hábitos adolescentes de camaradagem podem dar espaço para a transmissão de doenças que, em sua maioria, são assintomáticas. Isso significa que o estudante pode pegar a doença e, sem saber que é portador, disseminá-la entre os colegas. "Quando os amigos ficam doentes, o adolescente nem desconfia de que pode ter sido ele mesmo que começou o surto", afirma Luccesi.

A especialista explica que a maioria das doenças transmitidas entre os adolescentes é de infecções virais, quase sempre transmitidas pelas vias respiratórias, e não pelas mucosas. "Por mais que os jovens não troquem saliva, só de cochichar perto do outro pode transmitir vírus", diz a médica.

Para Amanda Villela, 15, levar a própria garrafa d’água para a escola é imprescindível. "Quando alguém me pede água, mando beber lá fora", brinca. Contudo, segundo a aluna, apesar dos cuidados de higiene, às vezes, é difícil ceder à pressão dos amigos. "Fico receosa, mas são pessoas que eu conheço. Eu sei como são os hábitos de higiene dos meus amigos", justifica.

O caso é ainda pior entre os garotos. Segundo Marília de Freitas Makaroun, ebiatra e psiquiatra da infância e do adolescente, essa é uma fase da vida em que as pessoas estão bastante inquietas. "São muitas as vontades, os anseios", diz. Por isso, segundo a especialista, os adolescentes, e principalmente os garotos, estão sempre mexendo nas roupas, pegando nos tênis, coçando os ouvidos. E esse "mexe remexe", somado à falta de atos básicos de higiene, como lavar as mãos, pode acabar transmitindo doenças muito mais sérias do que a simples gripe, como a hepatite B, a mononucleose (doença do beijo), a herpes ou a doença meningocócica, que causa a inflamação da membrana do cérebro e pode até levar à morte.

Infecção

Risco. Segundo o Ministério da Saúde, cerca de 500 mil pessoas contraem a doença meningocócica por ano, em todo o mundo, e 10% desses casos resultam em morte.

Fonte: http://www.otempo.com.br

Mulher tinha crack na vagina

Um homem de 27 anos e uma mulher, de 27, foram presos anteontem em Caxambu, no Sul de Minas de Gerais. Segundo a Polícia Militar, o casal foi detido no centro da cidade, em um conhecido ponto de tráfico de drogas.

Após buscas pessoais, os militares apreenderam uma porção de maconha, um isqueiro e um porta cigarros com o homem, que confessou ser usuário de drogas.

Com a mulher, nada foi encontrado. Porém, os policiais perceberam que a suspeita estava muito nervosa e, constantemente, colocava as mãos nas suas partes íntimas.

Os policiais então encaminharam a suspeita para um hospital, onde uma enfermeira encontrou uma sacola com 80 pedras de crack dentro da vagina dela.

Ao ser questionada sobre o que faria com o entorpecente, a jovem revelou que pretendia vendê-lo.

Fonte: http://www.otempo.com.br

domingo, março 25, 2012

Sargento acusado de estuprar menina

Criança de 7 anos foi abusada sexualmente por militar do Exército na região Oeste da capital.

GABRIELA SALES

Um sargento militar do Exército Brasileiro de 35 anos foi preso ontem suspeito de ter estuprado uma menina de 7 anos no bairro Salgado Filho, na região Oeste de Belo Horizonte. A mãe da criança acionou a Polícia Militar após flagrar o militar do exército no quarto da filha.

O sargento Fabrício Emiliano Costa, que é lotado na cidade de Juiz de Fora, na Zona da Mata, participava de uma festa entre familiares e amigos na casa de uma prima na capital. A vítima, que mora em um imóvel aos fundos de onde ocorria a festa, também participava da reunião acompanhada da mãe.

Com o fim da festa na manhã de ontem, ao ver a dificuldade da mãe da menina em fazê-la dormir, ele se propôs em ajudar. "A mãe disse que, com a ajuda dele (Fabrício Costa), foi tomar banho e, de dentro do banheiro, percebeu um barulho estranho da cabeceira da cama batendo na parede", contou o sargento Kleveirson Barbosa, da 7ª Companhia da Polícia Militar.

Desconfiada, a dona de casa, ao voltar para o quarto, deparou com a filha vestindo a calcinha e a camisola, enquanto o militar do exército dormia na cama da menina. Desesperada com a cena, a mãe expulsou o sargento da casa e acionou a polícia. Fabrício Costa foi encontrado pela PM dormindo na casa da tia - uma aposentada de 55 anos - , que não sabia do crime. Militares do exército conduziram o suspeito até a delegacia de plantão no Barreiro.

Na delegacia, a mãe da menina ainda estava em estado de choque. "Não quero falar. Não acredito que isso está acontecendo com a minha filha", disse. Durante depoimento, a menina, que tentava consolar a própria mãe, voltou a relatar os abusos sofridos na frente da delegada de plantão, Jacqueline Oliveira Ferraz.

Escondendo o rosto e com uma tatuagem declarando "Amor Eterno", o militar do Exército não falou sobre as acusações. A advogada que representa o suspeito, Sônia Andrade, também não se pronunciou sobre o assunto.
A menina foi encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML), onde foi submetida a exames que constataram a violência. A vítima foi encaminhada ao Hospital de Pronto-Socorro João XXIII e lá recebeu atendimento médico. Fabrício Costa ficará preso por 101 dias à disposição da Justiça na 4ª Região do Exército em Belo Horizonte.

Procurados, nenhum representante do Exército se pronunciou sobre o assunto.

Moradores se revoltam


Comoção e revolta tomaram conta de moradores próximos ao local de onde ocorreu o abuso da menina de 7 anos no bairro Salgado Filho, na região Oeste de Belo Horizonte. "Não é possível que, nos dias de hoje, algo tão nojento e cruel como abusar de uma criança ainda aconteça", desabafou um comerciante que se identificou apenas como Lucas. Para outro comerciante da região, que não quis ser identificado, a confiança da mãe pode ter favorecido o crime. "A gente confia até que se prove o contrário. Acredito que a mãe da criança tenha sido enganada pela boa vontade do homem, que, na verdade, deve ser uma pessoa doente", disse o comerciante.

Conhecidos da família do suspeito do crime, o militar do Exército Fabrício Emiliano Costa, estavam assustados com a notícia do estupro. "Ele (Fabrício) é um rapaz muito calmo e correto. Não sabemos o que aconteceu. Apenas posso dizer que, durante a festa, estava tudo bem. Vamos aguardar o parecer da polícia", disse um amigo da família que pediu para não ter o nome revelado.

Fonte: http://www.otempo.com.br

Crianças são detidas por roubo de

Drogas: a tragédia das crianças capturadas pelo crack

No Ceará não há hospital destinado ao tratamento de crianças usuárias de drogas.

O problema do crack entre crianças e adolescentes tem sido tema de reportagens especiais do O POVO nos últimos dias. Vem-se tornando rotina o assassinato de crianças por traficantes devido a “dívidas de drogas”. O envolvimento dessa faixa etária numa atividade criminosa como essa diz bem da gravidade e complexidade de um problema que está corroendo a sociedade.


Claro, o mal do crack não se circunscreve ao Brasil, e está disseminado em todo o mundo – inclusive nas sociedades abastadas. O problema é que em países jovens como o nosso ter o principal capital (infância e juventude) malbaratado de maneira tão trágica significa não apenas o comprometimento de uma faixa específica da população, mas do futuro da Nação.

Foi o reconhecimento desse perigo concreto que levou a presidente Dilma Rousseff a lançar, no fim de 2011, o programa Crack, é possível vencer, destinando-lhe R$ 4 bilhões para serem investidos no incremento das alternativas de tratamento para usuários, em ações de prevenção e no enfrentamento do tráfico.


Em termos concretos isso significará – segundo o Governo federal – que estados e municípios disporão de verbas para instalar 2.462 leitos em enfermarias especializadas dos hospitais do SUS. Além disso, o pleno é criar 308 Consultórios de Rua próximos dos locais de maior concentração de usuários de crack. Haverá, ainda, 175 Centros de Atenção Psicossocial para Álcool e Drogas programados para funcionar 24 horas por dia com capacidade para o tratamento de 400 pessoas por dia, cada um. A meta é realizar tudo isso até 2014. Contudo, ainda se está tateando nessa área, por não haver consenso entre especialistas sobre a melhor forma de atacar o problema. Internamento compulsório ou não?

Reconhece-se que as atenções principais devem ser voltadas para as crianças. Sabe-se, porém, que no Ceará não há nenhum hospital destinado ao tratamento de crianças usuárias de drogas. Também não existe nenhuma “comunidade terapêutica” que acolha meninos e meninas com menos de 12 anos, para o desespero de suas famílias.

Ou seja, está tudo ainda por fazer e o tempo urge. Cada dia perdido são mais crianças capturadas pelos tentáculos do crack.

Fonte: http://www.opovo.com.br

sábado, março 24, 2012

Adolescente é pego com uma faca em frente a escola

Adolescente suspeito de assaltar frigorífico é morto no CE, diz polícia

Adolescente foi perfurado a faca e morreu a poucos metros do frigorífico.
Vítima foi vista entrando no frigorifico por volta das 19h45, em Sobral.

Do G1 CE

Um adolescente de 16 anos foi morto após tentar roubar um frigorífico na noite de quarta-feira (21), em Sobral, Região Norte do Ceará, segundo informações do Comando de Policiamento do Interior (CPI). De acordo com a polícia, o adolescente foi perfurado a faca e morreu a poucos metros do frigorífico.
Segundo a polícia, a vítima e um outro jovem foram vistos entrando no frigorífico por volta das 19h45, no Bairro Alto do Cristo. Em seguida tentaram roubar um comércio vizinho, quando foram supreendidos pelo proprietário do frigorífico. O dono estabelecimento é suspeito de causar os ferimentos a faca que ocasionaram a morte do jovem e fugir. A polícia de Sobral realiza buscas para localizar o proprietário do frigorífico.

Homicídios
Um outro homicídio foi registrado pelo CPI na noite de quarta-feira. Um homem de 25 anos foi encontrado morto com quatro tiros na estrada do Sítio Santa Cruz, no município de Caririaçu. A polícia suspeita que o assassinato tenha sido motivado por rixa.

Fonte: http://g1.globo.com

Adolescente é alvejada por disparo de arma de fogo

Uma adolescente de 16 anos foi alvejada por um disparo de arma de fogo no joelho direito quando chegava em casa ontem no bairro Santa Rita, por volta das 23h30. De acordo com as informações da Polícia Militar, a menina de iniciais A.R.N., 16 anos, foi encaminhada ao Pronto Socorro do Hospital São Francisco pelo Corpo de Bombeiros.

A projétil atravessou o joelho da adolescente. Segundo a PM, existe um suspeito que está sendo investigado. Ele teria deixado o local depois da menina ser atingida pelo disparo. A menor estava voltando para sua residência depois da aula. (Rádio Aliança)
Fonte: http://www.vejaovale.com.br/

PF prende dupla acusada de fazer apologia a crimes em site

Polícia também investiga a ameaça de massacre de alunos da UnB.

Curitiba. A Polícia Federal (PF) em Curitiba prendeu, ontem, dois homens acusados de manter um site que trazia mensagens de apologia a crimes graves e a violência contra mulheres, negros, homossexuais, nordestinos e judeus, além de incitar o abuso sexual de menores. O site foi retirado do ar. Eles podem responder por racismo, incitação à violência e publicação de material com conteúdo pedófilo.

O técnico de informática Emerson Eduardo Rodrigues, 32, de Curitiba, e Marcello Valle Silveira Mello, 29, de Brasília, eram, segundo a PF, responsáveis pelo domínio, registrado na Malásia. No site, a dupla postava fotos de mulheres ensanguentadas, dizendo que elas mereciam morrer por manterem relações com negros. Em outro post, chamaram de "homem honrado e trabalhador" Lindemberg Alves, condenado a 98 anos de prisão por matar a ex-namorada Eloá, 15, em Santo André (SP).

A PF investiga se eles trocaram mensagens com Wellington Menezes de Oliveira, o atirador de Realengo, antes do massacre de 12 alunos, em abril de 2011.

Segundo o delegado-chefe de Repressão ao Crime Organizado no Paraná, Wágner Mesquita, o cerco se intensificou após duas ameaças postadas no site. "Eles disseram que estavam ‘contando as balas’ para entrarem em uma festa de estudantes de ciências sociais da Universidade de Brasília (UnB) e fizeram ameaças ao deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ).

"A cada dia que passa, fico mais ansioso, ‘conto as balas’, sonho com os gritos de vagabundas e esquerdistas chorando, implorando para viver", diz texto postado em 12 de março. Segundo a PF, no quarto de hotel de Mello em Curitiba, foi apreendido o mapa de uma casa em Brasília onde acontecem festas da UnB.

Mello cursou letras na instituição, mas foi desligado em 2006. Em 2009, foi processado por racismo na internet ao ofender, quatro anos antes, colegas favoráveis às cotas raciais. A defesa alegou insanidade mental, e ele foi absolvido. Segundo Mesquita, a PF apura a participação de Mello em um homicídio no Distrito Federal. "São pessoas desequilibradas, mas que levavam a vida dentro da normalidade. Trabalhavam com informática, e o Emerson era casado". A reportagem não obteve contato com os advogados dos acusados.

Fonte: http://www.otempo.com.br

Estuprador é capturado

Homem de 24 anos é suspeito de abusar de quatro menores.

GUSTAVO PRADO
falesuper@supernoticia.com.br

Várias famílias de Patos de Minas, no Alto Paranaíba, puderam dormir mais tranquilas na última noite. Foi preso, na manhã de ontem, o suspeito de cometer uma série de estupros em meninas de 9 a 17 anos na cidade. Leandro Gomes, de 24 anos, foi preso no local em que trabalhava, em uma grande empresa da cidade. O auxiliar de serviços gerais era investigado desde novembro do ano passado, quando foi flagrado pelo circuito interno de vídeo de um condomínio tentando abusar de uma crianças. No total, quatro vítimas, de 9, 11, 12 e 17 anos, prestaram queixa de abuso contra o rapaz.

No momento da prisão, ele utilizava a mesma mochila e o boné que aparecem nas imagens do condomínio. Ele foi encaminhado à Delegacia de Mulheres e apresentado para a imprensa. Casado e pai de um filho de 2 anos, Leandro não assumiu a autoria dos crimes.

"Temos provas suficientes para acreditar que ele é o suspeito de abusar das meninas", disse a delegada que investigou o caso, Tatiana Carvalho, ao confirmar que todas as quatro vítimas reconheceram o autor do suposto estupro.

A delegada acredita, também, na possibilidade de outras vítimas terem sofrido o abuso.

Como o criminoso agia


Segundo a delegada, o homem abordava as vítimas na rua para pedir alguma informação, e, então, aproveitava para praticar atos libidinosos, passando a mão em seus corpos. Tatiana afirma que Leandro não chegou a consumar o ato sexual com as meninas, mas a ação já caracteriza estupro de vulnerável. Após quatro meses de investigação e algumas denúncias, a polícia conseguiu chegar até o criminoso. (GP)

Fonte: http://www.otempo.com.br

sexta-feira, março 23, 2012

Jovem de 21 anos é preso junto com a irmã adolescente suspeitos de tráfico de drogas

Polícia prende 30 por arrastão em Belém

Entre os detidos estavam 20 adolescentes e uma jovem grávida.

Do R7, com Rede Record

Cerca de 30 pessoas foram detidas na madrugada desta quinta-feira (22) suspeitas de praticarem arrastões na praça Batista Campos, em Belém, no Pará. Entre os envolvidos estavam 20 adolescentes, um deles de 11 anos. Outra menor de 16 anos está grávida de quatro meses.
O grupo roubou diversos celulares e bicicletas. Os próprios moradores acionaram a polícia e as vítimas fizeram o reconhecimento. Os pais dos menores de idade foram chamados e os adultos serão indiciados por roubo.


Fonte: R7

Rebelião no triângulo

Detentos da Cadeia Pública de Monte Alegre de Minas, no Triângulo Mineiro, se rebelaram, na manhã de ontem, fazendo um refém e destruindo boa parte da estrutura do presídio. As polícias Militar e Civil fizeram as negociações e precisaram entrar usando balas de borracha, granadas de efeito moral e gás lacrimogêneo. De acordo com a PM, duas tentativas de fuga foram coibidas nesta semana, e a rebelião foi uma retaliação dos presos a uma vigilância mais forte e à suspensão de alguns benefícios. Os detentos quebraram as paredes, queimaram colchões e motos que estavam apreendidas no pátio onde é realizado o banho de sol. Cinco presos ficaram feridos, nenhum fugiu e 27 foram transferidos para Uberlândia.
Fonte: http://www.otempo.com.br

Folga para ir fazer concurso

O Senado aprovou ontem um projeto que permite ao trabalhador se ausentar do emprego por até oito horas por mês para realizar concurso públicos ou provas em estabelecimentos educacionais.

Segundo o jornal "Folha de S. Paulo", o projeto altera a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) para incluir o benefício ao trabalhador.

O texto foi aprovado em caráter terminativo pela Comissão de Assuntos Sociais do Senado (CAS). Por isso, só vai ser votado em plenário se houver recurso apresentado por mais de oito senadores. Do contrário, segue direto para análise da Câmara dos Deputados.

"A melhor forma de garantir a efetiva melhoria de vida do trabalhador é permitir que ele possa se ausentar do trabalho para se submeter a provas de concursos públicos", disse o senador Cícero Lucena (PSDB-PB), relator do projeto na CAS.

Lucena disse que o projeto não traz prejuízos aos empregadores porque "são, no máximo, oito horas, consecutivas ou não, a cada 30 dias, não acumuláveis, o que não causa grande mudança na rotina das empresas".

Fonte:http://www.otempo.com.br

CASAL VENDIA DROGAS NA PORTA DE ESCOLA

Um casal de traficantes foi preso ontem de manhã, em flagrante, vendendo drogas para estudantes de uma escola pública no bairro Jardim Felicidade, na região Norte de Belo Horizonte. Segundo a Polícia Militar, o suspeito Jiallei Soares de Oliveira, de 19 anos, mantinha um laboratório para refino de drogas dentro de casa, onde mora com a companheira, uma adolescente de 17 anos.

A polícia chegou ao casal depois de uma denúncia anônima que relatou o aliciamento de menores nas imediações da Escola Municipal Rui da Costa Val, localizada em frente à residência dos suspeitos. Segundo o soldado Thiago Avolline, que participou da prisão, o casal aproveitava o horário da tarde para ficar na porta do colégio oferecendo crack e cocaína para menores que frequentam um projeto social na escola. "Eles tinham um esquema bem-organizado, que incluía até uma agenda para controlar as vendas", disse o policial.

Apreensão
Na casa dos suspeitos, foram apreendidos 170 papelotes de cocaína, 150 pedras de crack, um revólver calibre 38, R$ 2.133 e uma balança de precisão.


Foragido
No momento da prisão, policiais constataram que Oliveira era foragido da Justiça e acusado de três homicídios relacionados ao tráfico de drogas. O casal foi encaminhado para o Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente (CIA-BH).
Fonte: http://www.otempo.com.br

quinta-feira, março 22, 2012

154 tubetes de cocaína foram encontrados com adolescentes

Efeitos dos esteróides anabolizantes na adolescência

Este artigo não tem o intuito de instruir, fazer apologia ou até mesmo assustar os adolescentes que tem intenção de usar drogas anabolicas e tão pouco mostrar meias verdades ou hipocrisia sobre o fato, assim como é feito na TV.

Cerca de 95% dos adolescentes que usaram alguma droga anabólica não tiveram nenhum tipo de supervisão médica durante o uso e cerca de 80% não usam nenhum tipo de proteção ou terapia pós-ciclo para remediar os efeitos colaterais das drogas.

O uso de esteróides anabolizantes na adolescência é muito mais prejudicial do que quando usados na fase adulta. A grande maioria sabe que as drogas trazem efeitos colaterais, mas não imaginam que os danos são muito maiores e as vezes irreversíveis quando você está em fase de crescimento.



Vale lembrar mais uma vez que este artigo não tem o intuito de assustar ninguém, apenas mostrar a realidade.

Efeitos Colaterais dos Esteróides Anabolizantes em Adolescentes
- Acne Severa
A maioria dos adultos sofrem com acne durante ciclos de anabolizantes, agora calcule os efeitos em um adolescente que está na fase onde há a maior pre-disposição a ter acne em toda a sua vida. Os efeitos podem ser catastróficos para sua auto-estima.

- Problemas no Fígado
É extremamente comum usuários adolescentes escolherem os esteróides orais, devido a facilidade de ingestão e pelo receio de injetar algo para dentro do seu corpo. A maioria acha que isto é o melhor caminho, porém a maioria dos esteróides anabolizantes injetáveis não são processados pelo fígado, o que é melhor, pois entram em seu organismo muito mais rápido e que não acontece com os orais, todos são processados pelo fígado o que traz um grande estresse para este órgão, podem ocorrer problemas como câncer do fígado e cirrose hepática. A droga Hemogenin por exemplo, tem ligação comprovada cientificamente com o câncer do fígado. Tem medo de agulhas ? Fique longe de anabolizantes.

- Diminuir ou parar completamente a produção de testosterona
Para quem não sabe, a testosterona é o principal hormônio masculino e os esteróides anabolizantes são a forma sintética deste hormônio. Quando você começa um ciclo de esteróides anabolizantes o seu corpo para de produzir naturalmente a testosterona devido ao alto nível que já está entrando devido aos esteróides, quando você para de utilizar drogas o corpo não estará mais produzindo testosterona natural(pois o corpo não viu necessidade devido ao excesso), depois de um tempo ele vai perceber a falta e voltar a produzir naturalmente de forma extremamente lenta. O problema é quando o adolescente faz uso de esteróides, o seu corpo está em fase de crescimento e os níveis dos hormônios são muito instáveis, o que pode acarretar na diminuição drástica ou total de testosterona e não é só por um período de tempo, é para sempre. Caso isto aconteça, você terá problemas em manter o nível de testosterona, tendo que ser monitorado por exames o resto da vida.

- Parar o crescimento
O uso de esteróides anabolizantes em adolescentes faz com que a hipófise feche e o seu crescimento(em altura) simplesmente pare. E isto não é uma possibilidade, é 110% de certeza. A partir do momento que você começar a usar esteróides anabolizantes você não crescerá nenhum centímetro.

Conclusão
Quer usar anabolizantes e ninguém vai te impedir ? Espere pelo menos até os 21 anos, a não ser que você esteja disposto a enfrentar problemas pelo resto da vida. Vale a pena experimentar a glória de ter um corpo superior por 3 meses e sofrer as consequências pelo resto da vida ? Você decide.
Fonte: http://doseanimal.com.br/

ITUIUTABA – Homem ataca adolescente e é preso por comandante de batalhão

O comandante do 54º Batalhão de Polícia Militar, Major Geraldo Rogério, prendeu, na cidade de Ituiutaba, um homem envolvido em uma tentativa de assalto. Na tarde da última sexta-feira, 16, o oficial, acompanhado do Cabo Sidimar Freitas, passava por uma das ruas do Centro, quando um morador da região surgiu em frente à viatura e deu sinal.

Ele contou que viu quando um homem cercou uma adolescente na Avenida Vinte e Nove, também no Centro, e pegou a bolsa dela. A jovem reagiu, empurrou o ladrão e saiu andando depressa. Inconformado, ainda segundo o morador, o marginal sacou uma faca da cintura, foi atrás da garota e golpeou-a no braço esquerdo e nas costas.

A testemunha contou que, nesse momento, caminhou em direção ao ladrão, que saiu correndo. Com os dados do assaltante, o oficial e o cabo fizeram um rastreamento na região central, que durou até que, alguns minutos depois, avistaram o suspeito. Mais uma vez, ele fugiu, pulou vários muros e escondeu-se em uma residência.

O rastreamento continuou e, após fazer levantamentos na área, o comandante do 54º Batalhão, com apoio do cabo, localizou o homem nos fundos de uma residência, próxima ao Estádio da Fazendinha. Ele tentou negar o crime, mas foi reconhecido pela vítima e pela testemunha.

Diante do flagrante delito, ele, juntamente com a faca apreendida pelos policiais militares, foi conduzido para a delegacia local, onde ficou à disposição da Justiça. Acredita-se que o mesmo suspeito esteja envolvido em outros furtos e assaltos na cidade. (Alexandre França)


Fonte: PMMG

Morte em briga por videogame

Adolescente de 13 anos foi esfaqueado pelo amigo de infância.

RICARDO VASCONCELOS
falesuper@supernoticia.com.br

Uma discussão entre dois adolescentes de 13 anos por causa de um videogame terminou com um deles morto a facadas, anteontem, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro. De acordo com a Polícia Militar, R.V.A levou um golpe profundo nas costas. Ele chegou a ser socorrido em uma Unidade de Pronto-Atendimento (UAI), mas não resistiu.

O adolescente suspeito foi apreendido em flagrante e encaminhado ao Centro Socioeducativo de Uberlândia (Ceseu), onde deve cumprir uma medida sócio-educativa com internação de até 3 anos.

De acordo com a Polícia Militar, o garoto estava em casa jogando videogame quando o seu irmão de 15 anos chegou, acompanhado de R. V. A. Aí, os três passaram a brincar juntos. Em um determinado momento, ocorreu uma discussão entre os garotos de 13 anos. De acordo com o policial, o menino disse que não tinha a intenção de matar e que tinha pegado a faca para "assustar" o outro.

"Ainda não sabemos ao certo como foi o desentendimento entre eles, no entanto, o menino garantiu que não tinha intenção de matar o amigo", contou o sargento José Geraldo Cunha, da 92ª Companhia, do 32ºBatalhão da Polícia Militar.

Fonte: http://www.otempo.com.br/

Estuprada por filho de policia

Motoboy pega criança em escola e abusa sexualmente dela

LUCAS SIMÕES
falesuper@supernoticia.com.br

Uma criança de 11 anos viveu momentos de pânico e tensão na tarde de anteontem, ao ser estuprada e ameaçada de morte pelo filho de um policial militar reformado, no bairro Boa Vista, na região Leste de Belo Horizonte. O motoboy Rodney Guilherme da Silva, de 27 anos, foi preso em casa, pouco depois de abordar a menor na porta da escola dela e levá-la para um local ermo no bairro Serra, na região Centro-Sul da capital, onde a estuprou. Segundo a Polícia Militar, o suspeito é amigo de um tio da criança e usou o revólver de seu pai para ameaçar a menor e obrigá-la a manter relações sexuais com ele.

O estupro foi confirmado por um exame médico realizado no Hospital Municipal Odilon Behrens e por um exame de corpo de delito feito no Instituto Médico Legal (IML).

Segundo a polícia, a estudante J.L.F.S desceu da van escolar por volta da 13h e foi abordada pelo motoboy na porta da Escola Estadual Assis Chateaubriand, enquanto esperava uma amiga antes de a aula começar. O homem pediu para que a menina subisse em sua moto, dizendo que iria levá-la ao encontro de seu tio. A jovem contou à polícia que se recusou a subir no veículo, mas foi obrigada a obedecer o motoboy depois que ele mostrou um revólver e ameaçou atirar na cabeça dela. "Ela ainda reforçou que ele já tinha tentado abusar dela dentro de casa pelo menos duas vezes", disse o tenente.

Rodney Silva foi preso no final da tarde em sua residência, no bairro São Geraldo.

Zombação
O tenente contou detalhes da ação do criminoso: "Ela falou que tudo foi rápido, ele usou camisinha e, após o estupro, zombou dela, dizendo que tinha terminado o serviço".

Fonte: http://www.otempo.com.br/

quarta-feira, março 21, 2012

Adolescente mata a própria prima em São Paulo

TATUAGEM EM CRIANÇA OU ADOLESCENTE VAI VIRAR CRIME

João Matheus

Realizar tatuagem em criança ou adolescente pode dar cadeia. Essa a proposta do projeto de lei do Deputado Federal Márcio Marinho, que acrescenta o art. 132-A ao Decreto – lei n.º 2.848, de 7 de dezembro de 1940 – Código Penal, tipificando o crime de realização de tatuagem em criança ou adolescente e prevê pena de detenção.

Marinho explica que a realização de tatuagens em crianças e adolescentes vem se banalizando em nossa sociedade, bastando para a prática a autorização dos pais ou responsáveis.

E alerta que a tatuagem contém diversos riscos à saúde, desde o contágio por doenças transmissíveis pelo sangue, até a intoxicação por tintas inadequadas, além de se caracterizar em modificação praticamente definitiva ou de dificílima remoção nos corpos de pessoas muito jovens, ainda em formação. “Nesse sentido cremos ser imprescindível impedir completamente essa prática”, afirma.

O deputado baiano acredita que “se faz necessária a ação do Estado para que, no cumprimento de sua função constitucional, efetive a proteção integral à criança e ao adolescente, criminalizando essa conduta que não respeita a integridade dos corpos desses jovens que, na maioria dos casos, se arrependem profundamente de tatuarem seus corpos após se tornarem adultos”.
Fonte: http://www.politicosdosuldabahia.com.br

Secretário quer banco único de dados sobre criminalidade

Governador cobrou resultados e disse que a hora é de arregaçar as mangas.

RAPHAEL RAMOS

O procurador de Justiça Rômulo Ferraz, 51, assumiu ontem o cargo de secretário de Estado de Defesa Social com a proposta de juntar, em um único banco de dados, as estatísticas de criminalidade das polícias Civil e Militar. A estratégia, ainda sem data definida para ser colocada em prática, segundo ele, será uma das formas de organizar ações conjuntas que consigam reduzir os índices de violência no Estado. O controle da criminalidade, que chegou a patamares considerados epidêmicos na gestão do antecessor Lafayette Andrada (PMDB), foi apontado como uma das prioridades do novo titular da pasta.

Ferraz, que se licenciou da procuradoria de Justiça - cargo que ocupou desde março de 2001 -, assumiu o comando da Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) com o desafio de promover a integração das polícias, outro projeto do governo mineiro que não vingou na gestão Andrada.

"Essa (redução da criminalidade) será uma das prioridades já determinadas pelo governador, assim como o processo de integração das polícias", afirmou Ferraz. Em seu discurso, o novo secretário disse que se reuniu com representantes das corporações para dar celeridade ao processo de integração.

Apesar de ter sido bastante prestigiado por políticos, por outros secretários de Estado e por colegas de Judiciário na cerimônia de posse, Rômulo Ferraz não foi poupado por representantes das polícias Civil e Militar, que cobraram investimentos no aumento do efetivo.

"O déficit de policiais civis em Minas hoje é de 100%. Esperamos um investimento maior e um tratamento mais equilibrado nas duas polícias", disse o presidente do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil (Sindpol-MG), Denilson Martins.

"Minas não pode continuar com índices de violência como está. Acredito que o caminho é investir em efetivo das duas polícias", disse o presidente da Associação dos Praças, Policiais e Bombeiros (Aspra), subtenente Raimundo Nonato.

A cobrança também veio do governador Antonio Anastasia (PSDB) que, no discurso, pediu resultados. "Agora é arregaçar as manga, trabalhar e se desdobrar com muita vontade".
Fonte: http://www.otempo.com.br

terça-feira, março 20, 2012

Rebelião no centro de internação termina com um foragido

Cerca de 60 detentos, que cumprem medida de internação, iniciaram uma manifestação no local


Juliana Corrêa-
Do Hoje em Dia -


Um princípio de rebelião foi controlado por policiais militares, no início da noite deste sábado (10), no Centro Socioeducativo Santa Clara (CSESC), no bairro Capitão Eduardo, região Nordeste de Belo Horizonte. Um jovem está foragido.

Segundo a PM, cerca de 60 detentos, que cumprem medida de internação, iniciaram uma manifestação no local. Durante a confusão, Pedro Henrique Rangel, de 19 anos, conseguiu fugir pulando o muro dos fundos.

Os militares do 16° Batalhão contaram com o apoio da Rotam, que continuam a busca ao foragido.

Fonte: http://www.hojeemdia.com.br

MÃE USA FILHO NO TRÁFICO

LEI nº 869 de 05 de julho de 1952


CAPÍTULO III
Da Promoção


Art. 26 - As promoções obedecerão ao critério de antiguidade de classe e ao de merecimento alternadamente, sendo a primeira sempre pelo critério de antiguidade.
§ 1º - O critério a que obedecer a promoção deverá vir expresso no decreto respectivo.
§ 2º - Somente se dará promoção de uma classe à imediatamente superior.

Art. 27 - A promoção por antiguidade recairá no funcionário mais antigo na classe.

Art. 28 - A promoção por merecimento recairá no funcionário de maior mérito, segundo dados objetivos apurados na forma do regulamento.

Art. 29 - Não poderá ser promovido, inclusive à classe final de carreira, o funcionário que não tenha o interstício de setecentos e trinta dias de efetivo exercício na classe.
Parágrafo único - Na hipótese de não haver funcionário com interstício poderá a promoção por merecimento recair no que contar pelo menos trezentos e sessenta e cinco dias de efetivo exercício na classe.

Art. 30 - O merecimento será apurado, objetivamente, segundo condições definidas em regulamento.
Parágrafo único - O merecimento é adquirido na classe; promovido o funcionário, recomeçará a apuração do merecimento a contar do ingresso na nova classe.

Art. 31 - A antiguidade de classe será determinada pelo tempo de efetivo exercício do funcionário na classe a que pertencer.
§ 1º - Quando houver fusão de classes, o funcionário contará na nova classe também a antiguidade que trouxer da anterior.
§ 2º - No caso do parágrafo precedente, serão promovidos, em primeiro lugar, os funcionários que eram ocupantes dos cargos da classe superior, obedecendo-se o mesmo critério em ordem decrescente.
§ 3º - O funcionário, exonerado na forma do § 6º, do art. 20, que for nomeado em virtude de habilitação no mesmo concurso, contará, como antiguidade de classe o tempo de efetivo exercício na interinidade.

Art. 32 - A antiguidade de classe no caso de transferência, a pedido, ou por permuta, será contada da data em que o funcionário entrar em exercício na nova classe.
Parágrafo único - Se a transferência ocorrer "ex-officio", no interesse da administração, serão levados em conta o tempo de efetivo exercício e o merecimento na classe a que pertencia.

Art. 33 - Na classificação por antiguidade, quando ocorrer empate no tempo de classe, terá preferência, sucessivamente:
a) o funcionário mais antigo na carreira;
b) o mais antigo no Serviço Público Estadual;
c) o que tiver maior tempo de serviço público;
d) o funcionário casado ou viúvo que tiver maior número de filhos;
e) o casado;
f) o solteiro que tiver filhos reconhecidos;
g) o mais idoso.

Art. 34 - No caso de igualdade de merecimento adotar-se-á como fator de desempate, sucessivamente:
a) o fato de ter o funcionário participado em operação de guerra;
b) o funcionário mais antigo na classe;
c) o funcionário mais antigo na carreira;
d) o mais antigo no Serviço Público Estadual;
e) o que tiver maior tempo de serviço público;
f) o funcionário casado ou viúvo que tiver maior número de filhos;
g) o casado;
h) o solteiro que tiver filhos reconhecidos;
i) o mais idoso.

Art. 35 - Não serão considerados, para efeito dos arts. 33 e 34, os filhos maiores e os que exerçam qualquer atividade remunerada pública ou privada.
Parágrafo único - Também não será considerado para o mesmo efeito o estado de casado, desde que ambos os cônjuges sejam servidores públicos.

Art. 36 - O tempo de exercício para verificação de antiguidade de classe será apurado somente em dias.

Art. 37 - As promoções serão processadas e realizadas emépoca fixada em regulamento.

Art. 38 - O funcionário suspenso poderá ser promovido, mas a promoção ficará sem efeito, se verificada a procedência da penalidade aplicada.
Parágrafo único - Na hipótese deste artigo, o funcionário só perceberá o vencimento correspondente à nova classe quando tornada sem efeito a penalidade aplicada, caso em que a promoção surtirá efeito a partir da data de sua publicação.

Art. 39 - Será declarado sem efeito em benefício daquele a quem cabia de direito a promoção, o decreto que promover indevidamente o funcionário.
§ 1º - O funcionário promovido indevidamente não ficará obrigado a restituir o que a mais houver recebido.
§ 2º - O funcionário, a quem cabia a promoção, será indenizado da diferença de vencimento ou remuneração a que tiver direito, ficando essa indenização a cargo de quem,
comprovadamente, tenha ocasionado a indevida promoção.
Art. 40 - Os funcionários que demonstrarem parcialidade no julgamento do merecimento serão punidos disciplinarmente pela autoridade a que estiverem subordinados.

Art. 41 - A promoção de funcionário em exercício de mandato legislativo só se poderá fazer por antiguidade.

Art. 42 - Vetado.

Art. 43 - Na apuração de antiguidade e merecimento, só serão observados os critérios estabelecidos nesta lei e no regulamento de promoções, não devendo ser considerados, em hipótese alguma, os pedidos de promoções feito pelo funcionário ou por alguém a seu rogo.
Parágrafo único - Não se compreendem neste artigo os recursos interpostos pelo funcionário relativamente a apuração de antiguidade ou merecimento.


Fonte: ALMG

DIVINÓPOLIS – PM apreende menores com arma e drogas

Durante cumprimento de Mandado de Busca e Apreensão em uma residência no bairro Florermida, distrito de Santo Antônio dos Campos, militares do 23º Batalhão apreenderam um revólver calibre .32, com seis munições intactas, uma bucha de maconha, uma balança de precisão, 10 aparelhos de celular e R$180.

Dois menores, de 14 e 16 anos, foram apreendidos e conduzidos até a Delegacia da Polícia Civil juntamente com o material apreendido, onde ambos foram autuados.


Fonte: PMMG

Adolescente é apreendida com drogas em Itapetininga, SP

A jovem estava com 27 porções de maconha.
A venda de drogas era feita no bairro Taboãzinho.

Do G1 Itapetininga e Região

Uma adolescente de 17 anos foi apreendida com drogas em Itapetininga, no interior de São Paulo, neste sábado (17). O tráfico foi descoberto depois de denúncia anônima.
Segundo a Polícia Militar, a denúncia apontava que uma mulher estaria vendendo drogas pela avenida Francisco Weiss Junior. O entorpecente estaria escondido próximo de uma árvore.

A PM foi até o local indicado e encontrou a adolescente. No chão ao lado da árvore, a polícia encontrou 27 porções de maconha. A menor foi levada à delegacia e ficou presa.


Fonte: http://g1.globo.com

Algemado, detento pula muro e foge

FELIPE PEDROSA

A polícia de Caeté, na região metropolitana da capital, procura por Alexandre Guedes, 34, o Geleia, que conseguiu fugir algemado do presídio do município, na noite do último sábado. Segundo Secretaria de Estado de Defesa Social, Geleia fingiu passar mal e enganou os agentes penitenciários.

Geleia pediu para ser levado até a enfermaria do presídio. Os agentes, então, imobilizaram as mãos do criminoso e o levaram até o setor médico. Mesmo algemado, Geleia saiu correndo e pulou o muro da unidade. Ele estava preso desde o fim de janeiro e cumpria pena por porte ilegal de arma, homicídio e tráfico de drogas.

Fonte: http://www.otempo.com.br

Prisões em baile funk

RICARDO VASCONCELOS
falesuper@supernoticia.com.br

Um baile funk, regado a drogas e a bebidas alcoólicas e com a participação de adolescentes, foi descoberto, na madrugada de ontem, pela Polícia Militar, na divisa dos bairros Frei Leopoldo e Juliana, na região Norte de Belo Horizonte. No local, foram apreendidas drogas e armas. Três suspeitos acabaram presos em flagrante, incluindo o organizador da festa, que divulgada durante a semana passada na internet.

O espaço também era alugado para outros eventos, incluindo festas de aniversário. Mas devido a reclamações de moradores, a residência passou a ser monitorada pelo serviço de inteligência da Polícia Militar.

Prisões
O responsável pelo baile de ontem era Mário Vicente Alves Júnior, de 21 anos, preso por suspeita de envolvimento com o tráfico de drogas. Outros dois rapazes também foram detidos. Marcos Vinícius Santos Oliveira, de 23 anos, foi flagrado com uma pistola 765 na cintura e André Luiz da Silva Júnior, de 19 anos, estava carregando papelotes de cocaína e buchas de maconha em uma bolsa. Uma garrucha, uma pistola calibre 380 e 33 munições também foram apreendidos no local.

Na porta da residência, os policiais encontraram um carro roubado no sábado passado.
O Juizado da Infância e da Juventude de Contagem também participou da operação, mas os adolescentes conseguiram fugir.

Festas
Um morador disse que essa foi a primeira vez que a PM esteve no local do evento. "Todo mundo aluga o espaço para festas, mas não eu sabia que lá também era usado para bailes funk, com consumo de drogas."

Fonte: http://www.otempo.com.br

LEI DO PORTE DE ARMA PARA AGENTE

Vamos participar desta campanha para que nossa categoria tenha o porte de arma estabelecido em lei, não perca tempo.

Clik na imagem para participar

Os Agentes precisam dê seu voto

Os Agentes precisam dê seu voto
Participe da Petição Pública, clik na imagem acima.